Tomar, Turismo

Tomar volta ser o destino dos apreciadores de lampreia

CARTAZ_lampreiaHá ciclos que se repetem com a regularidade dos anos: quando o caudal dos rios engrossa, as lampreias deixam o mar e nadam contra a corrente para cumprir o seu destino – desovar nos rios do interior e perpetuar a espécie. Da mesma forma, quando as lampreias chegam, abre em Tomar a Mostra da Lampreia.

É assim há 16 anos, de forma organizada, porque desde sempre o ciclóstomo foi pitéu nas mesas do concelho. E porque Tomar é terra de bem receber, quis partilhar com o resto do país esse tão afamado prato.

Assim, aí está a Mostra, que vai decorrer entre os dias 14 de Fevereiro e 8 de Março, aos fins-de-semana, em 26 estabelecimentos do concelho, entre restaurantes e pastelarias.
Este ano, são mais os participantes, que incluem catorze restaurantes: Almourol (em Tancos), Baía, Bela Vista, Estalagem de Santa Iria, Ginginha, Infante, Marisqueira de Tomar, Nabão e Tasquinha da Mitas (todos na cidade), Convento do Leitão (no Casal dos Aromas), A Lúria (Portela de S. Pedro), Manjar dos Templários (cruzamento para Castelo do Bode), Mister Grill (Venda Nova) e Picadeiro (Alvito). As doçarias (todas em Tomar) são Estrelas de Tomar, os três estabelecimentos da Padaria Rosa, A Rosa – Café dos Artistas, os três estabelecimentos Pic-Nic, a Templária e os três estabelecimentos Tropical.

Entre os pitéus disponíveis, que abarcam todos os pratos da refeição, contam-se entradas de paté de lampreia com algas, paté de lampreia em cama de cogumelos, empadas de lampreia e filetes de lampreia avinagrados; sopas de peixes do rio e de lampreia; lampreia com arroz de cabidela, molhata de lampreia, lampreia à bordalesa, caldeirada de lampreia e lampreia com feijão.

Nos doces, há lampreias de ovos simples e com misto de fruta, pannacota de lampreia e beijinhos de lampreia.

A Mostra da Lampreia é o evento inaugural do ciclo gastronómico anual, no concelho de Tomar, que continua com a mostra de doçaria De Tomar e dos Conventos a saudar a Primavera durante o mês de Abril, o consagrado Congresso da Sopa em Maio e o reconfortante Todos com o Feijão, o Feijão com Todos a marcar o Outono.

Para além de uma visita gastronómica, aproveite para conhecer a Cidade Templária e não perca, nestas mini-férias da próxima semana, o Carnaval da Linhaceira e o de Tomar; e as exposições “Portugal na Grande Guerra”, “Centenário do Sporting Clube de Tomar”, pintura e desenho de António Viana e “Vestígios do Tempo” de Miguel Braz.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *