Desporto, Reguengos de Monsaraz

Centro Náutico de Monsaraz recebe a primeira etapa do Campeonato Europeu de Formula Windsurfing

Monsaraz Lago Alqueva Formula Windsurfing  (5)Reguengos de Monsaraz vai receber entre os dias 14 e 17 de fevereiro a primeira etapa do Campeonato Europeu de Windsurf na classe Formula Windsurfing. A prova Monsaraz Lago Alqueva Formula Windsurfing 2015 vai decorrer no Centro Náutico de Monsaraz com cerca de 40 participantes de Inglaterra, França, Espanha e Portugal, entre os quais o velejador algarvio Miguel Martinho, que já integrou o top 10 mundial.

Esta é a primeira das três provas de apuramento nacional para o Campeonato Europeu e para o Campeonato Mundial da classe Formula Windsurfing, e é pontuável para os rankings mundial, europeu e ibérico de águas interiores. A competição é organizada pelo Clube Naval de Portimão com a coordenação da Associação Formula Windsurfing Portugal, do Município de Reguengos de Monsaraz e do Centro Náutico de Monsaraz, e tem como objetivo promover as potencialidades da região e do Grande Lago Alqueva na área dos desportos náuticos.

Os espetadores poderão assistir à prova numa zona coberta. A competição terá início no dia 14 de fevereiro pelas 14h30, enquanto nos dias seguintes está previsto começar às 11h. Após a etapa de Reguengos de Monsaraz, o campeonato europeu prossegue com provas na Lituânia, Estónia, Letónia, Polónia e Grécia.

A Formula Windsurfing foi criada em 1999 com o objetivo de ser uma classe de forte vocação para a competição, mas também para reduzir a quantidade de material que um atleta tem de transportar para cada campeonato, pois só poderá inscrever uma prancha, três velas e dois fins (quilha da prancha). Assim, torna-se mais fácil um amador poder competir com os profissionais, uma vez que existe um maior equilíbrio e por isso sobressai a técnica e a tática do próprio velejador. Esta classe tem intervalo de vento de 7 a 35 nós para se efetuarem as provas, o que também reduz a capacidade física de cada atleta.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *