Lamego, Sociedade

Vítimas de violência doméstica ganham centro de apoio em Lamego

Centro_Apoio_VitimaIIILAMEGO2015O Município de Lamego passou a dispor de um Centro de Apoio à Vítima de Violência Doméstica, um gabinete que funcionará nas instalações dos Serviços de Ação Social da autarquia e que terá a missão de apoiar, encaminhar e proteger as vítimas de violência doméstica. Integrado na rede nacional de estruturas de apoio à vítima, a abertura deste novo serviço foi apadrinhada pela secretária de Estado dos Assuntos Parlamentares e da Igualdade, Teresa Morais, que garantiu que vai disponibilizar financiamento para que, para além de ajuda social e psicológica, seja prestado em breve apoio jurídico.

Na sessão de apresentação do novo serviço municipal, Francisco Lopes também evidenciou a necessidade de ser criado em Lamego um centro de acolhimento de emergência para este tipo de vítimas, com o objetivo de acudir a situações de crise familiar graves que obriguem à saída de casa. Para o efeito, está a ser debatida uma parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Lamego para a cedência de um espaço que sirva, não apenas os casos ocorridos neste concelho, mas também noutros municípios vizinhos que ainda não estão servidos por unidades equivalentes.

Os Serviços de Ação Social da autarquia atenderam, em 2014, cerca de 70 pessoas que viveram o drama da violência doméstica. No mesmo período, a Polícia de Segurança Pública registou 39 ocorrências, com predominância para situações de violência psicológica e física.

 

 

 

 

 

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *