Cultura, Sardoal

“Não é justo, Alice” apresentado no Centro Cultural Gil Vicente em Sardoal

Nao_Justo_Alice“Não é Justo, Alice” é o livro infantil que será apresentado no Centro Cultural Gil Vicente, em Sardoal, no próximo dia 6 de dezembro, pelas 18 horas, com a presença das autoras Joana Ramos e Joana Raimundo.

 

Joana Ramos, a autora do texto, reside desde 2005 no Sardoal, onde tem desempenhado funções enquanto docente e levado efeito projetos de apoio individualizado ao estudo. Sobre a história que escreveu, a autora diz tratar-se de “um tema simples e linear, pensado para uma faixa etária específica”.

 

Joana Raimundo, ilustradora e responsável por toda a arte gráfica do livro, refere que esta é “uma história simples sobre vivências íntimas do quotidiano familiar” e que para criar as ilustrações se inspirou na sua própria infância.

 

Rico em ilustrações coloridas e muito dinâmicas, “Não é Justo, Alice” foi escrito para crianças até aos seis anos, tendo sido concebido também para proporcionar momentos de conto em voz alta por um adulto. Algumas questões relacionadas com o sentido de justiça, de moral e de resolução de conflitos são levantadas ao longo do livro, tendo as autoras pretendido criar um livro para ser explorado quer em contexto familiar, quer em contexto mais formal, no âmbito de Educação Cívica e de Filosofia para Crianças.

 

Esta obra, que marca a estreia das autoras na literatura infantil, tem a chancela das Edições Escafandro e é recomendada pelo Instituto do Desenvolvimento e Estimulação do Potencial Humano (IDEPH).

 

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *