Cultura, Reguengos de Monsaraz

Arte local em exposição na vila medieval de Monsaraz

susete 1A exposição coletiva “A nossa Arte”, de António dos Santos, Manuel Infante, Rui Cartaxo, Rui Antas, Sónia d´Assumpção e Susete Bento, vai estar patente entre os dias 15 de novembro e 11 de janeiro, das 9h30 às 13h e das 14h às 17h30, na Igreja de Santiago, na vila medieval de Monsaraz. Esta mostra organizada pelo Município de Reguengos de Monsaraz vai reunir o trabalho de seis artistas do concelho e pretende promover e divulgar a arte local.

 

Em exposição vão estar quadros pintados a óleo, painéis de azulejo, esculturas em barro e tapeçaria. Com formações, áreas e técnicas distintas, a mostra integrada no ciclo de exposições Monsaraz Museu Aberto vai proporcionar aos visitantes apreciarem uma grande variedade de trabalhos.

 

António dos Santos é um artista autodidata que se iniciou na pintura em 1997, dando seguimento ao fascínio que sempre teve pela arte. Os seus trabalhos em pintura a óleo e a lápis de cor têm sido apresentados em várias exposições coletivas. Também na área da pintura, Rui Antas vai expor pela primeira vez, com obras efetuadas em técnica mista.

 

Outro artista, Rui Cartaxo, iniciou a sua atividade em 1996, desenvolvendo a sua paixão pela arte de moldar o barro, aliando-a mais tarde à capacidade inata que possui pelo desenho. Atualmente tem o seu ateliê de pintura onde funde as várias técnicas da olaria e das artes plásticas produzindo quadros e esculturas.

 

Uma vertente distinta que também estará patente na exposição “A nossa Arte” será o trabalho desenvolvido por Sónia d´Assumpção. A professora de artes plásticas vai apresentar peças de tapeçaria e quadros a óleo sobre tela.

 

Com várias exposições individuais e coletivas já realizadas, Susete Bento vai expor as suas obras pela terceira vez em Monsaraz. Susete Bento vai apresentar quadros a óleo sobre tela.

 

Manuel Infante vai expor painéis em azulejo. O artista autodidata iniciou a sua carreira no mundo das artes em 1981 e tem participado em exposições individuais e coletivas.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *