Sociedade, Vila Real de Santo António

Vila Real de Santo António premiada como «Autarquia + Familiarme​nte Responsáve​l» pelo sexto ano consecutiv​o

VRSA distinguida como autarquia mais familiarmente responsávelA Câmara Municipal de Vila Real de Santo António foi distinguida, pelo sexto ano consecutivo, pelo observatório da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas, como «Autarquia + Familiarmente Responsável».

Com a atribuição da Bandeira Verde, a autarquia junta-se ao conjunto de 39 municípios, a nível nacional, que vêm adotando medidas facilitadoras da vida familiar dos seus residentes.

O galardão dá visibilidade às práticas de proximidade e às medidas sociais em vigor na edilidade destinadas a melhorar a qualidade de vida das famílias do concelho. Por ter conquistado o distintivo desde a primeira edição do prémio (2009), VRSA terá direito a receber a bandeira com palma.

Uma das medidas tomadas pela Câmara de Vila Real de Santo António, que lhe deu acesso ao prémio, foi a tarifa familiar de água, que tem em consideração o número de pessoas por agregado familiar e não penaliza, assim, as famílias mais alargadas.

Para Luís Gomes, presidente da autarquia vila-realense, «esta distinção é a prova do longo trabalho desenvolvido em matéria de políticas sociais, muitas delas pioneiras, e que, ano após ano, têm sido consolidadas e salvaguardadas apesar do contexto de contenção financeira».

Este reconhecimento da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas resulta ainda das políticas de família adotadas pela edilidade vila-realense em diversas áreas de atuação, nomeadamente: apoio à maternidade e paternidade, apoio às famílias com necessidades especiais, serviços básicos, educação e formação, habitação e urbanismo, transportes, saúde, cultura, desporto, lazer e tempo livre, cooperação, relações institucionais e participação social.

Foram igualmente avaliadas as boas práticas da Câmara Municipal para com os seus funcionários no que se refere à conciliação entre a vida profissional e familiar.

 

Sobre o Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis

A Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN) iniciou, em Janeiro de 2002, uma colaboração com as autarquias no sentido da construção de uma Política Autárquica de Família. Na sequência deste trabalho, a APFN decidiu alargar-se para um novo conceito: as Autarquias Familiarmente Responsáveis.

Partindo deste novo modelo, a partir de 2007 procedeu-se à realização de inquéritos junto dos municípios do país com vista a efetuar um levantamento das boas práticas existentes.

Após esse trabalho, a APFN criou um Observatório de Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR) e é nesse seguimento que este ano se volta a realizar a 6ª edição da iniciativa «Autarquia + Familiarmente Responsável».

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *