Desporto, Póvoa de Varzim

Memórias dos Rallies da Póvoa de Varzim

Memórias dos Rallies da Póvoa de VarzimO Arquivo Municipal da Póvoa de Varzim organizou uma exposição sobre as “Memórias dos rallies na Póvoa de Varzim/Targa Clube”, acompanhada de uma tertúlia. A conversa acabou por ter lugar no Museu Municipal, devido à elevada adesão de público.

Com a colaboração do Targa Clube e um dos seus dirigentes históricos, Fernando Baptista, a conversa decorreu em ambiente descontraído, entre amigos que avivaram memórias dos rallies que marcaram 27 anos de história na Póvoa de Varzim.

O jornalista António Catarino moderou a conversa com pilotos vencedores dos rallies organizados na Póvoa de Varzim: Mário Silva, António Rodrigues, Manuel Mello Breyner (atualmente o Presidente da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting – FPAK), Joaquim Moutinho, José Miguel, Fernando Peres, Ricardo Caldeira (navegador), Adruzilo Lopes e Armindo Araújo. Também participou da tertúlia Fernando Baptista, do Targa Clube, como organizador dos rallies realizados na Póvoa de Varzim, inicialmente ainda como Rallie James (1979), depois com o patrocínio da Sopete e, mais tarde, do Casino da Póvoa.

O vereador da Cultura, Luís Diamantino, foi o anfitrião da noite, sublinhando que o Arquivo Municipal da Póvoa de Varzim tem realizado nos últimos tempos “algumas iniciativas deste género para avivar memórias, o que é muito importante”. Os rallies, continuou o vereador, “marcaram muito as memórias de muita gente, poveiros e não só”.

O autarca enalteceu o trabalho do Targa Clube na nossa cidade, em especial o trabalho do carismático Fernando Baptista, “um homem de emoções, que vive a vida e todos os projetos a que se entrega por inteiro. E nos rallies também era assim, a toda a velocidade”. Luís Diamantino agradeceu também a todos os convidados da tertúlia, alguns deles vindos de Lisboa, que vieram à Póvoa de Varzim apenas pela amizade e respeito que têm para com o Targa Clube e para com a nossa cidade, “não vieram ganhar nada, mas já são campeões apenas por terem vindo”, frisou.

Os convidados partilharam muitas das experiências vividas na Póvoa de Varzim e nos rallies aqui organizados, de onde saíram, algumas vezes, vencedores. Peripécias, emoções, o relacionamento entre pilotos e equipas técnicas, o entendimento com os navegadores, as melhorias nos carros, as fiscalizações, as condições climatéricas desfavoráveis, a perícia ou no asfalto ou em terra, a segurança, a velocidade, as desclassificações na secretaria, foram as peças de uma máquina afinada que é a memória coletiva destas pessoas ligadas ao automobilismo e aos gloriosos tempos dos rallies na Póvoa de Varzim.

Veja a fotogaleria.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *