Amadora, Cultura

Fim de semana com “Damas e Varões Illustres da Amadora”

cartaz-page-001Dias 11 e 12 de outubro (sábado e domingo), os Recreios da Amadora apresentam o espetáculo “Damas e Varões Illustres da Amadora”, iniciativa comemorativa do Centenário dos Recreios da Amadora.

 Criadoa partir de excertos e fragmentos da memória de “Damas e Varões Ilustres da Amadora”, levado à cenano Salão de Festas dos Recreios Desportivos da Amadora, este espetáculo pretende, 100 anos depois, recriar aestreiadestainiciativalocal,bemcomocelebrara obra do poeta e escritor Delfim de Guimarães, autor dosversos,e de Raquel e Roque Gameiro, filha e pai, autores das caricaturas das várias figuras retratadas em cena.Talcomona altura, pretende-se homenagear as damas e varões da localidade, dando uma ideia da vida e doscostumesda época, estabelecendo ligações com o quotidiano da Amadora atual.

 Como salão de festas a encher de convivas, D. Amadora e Mlle. Venteira, preparam-se paraentrarem cena e começarem o espetáculo que os notáveis das artes locais fizeram parahomenagearaquelaterrae estrear os recém-inaugurados Recreios Desportivos. O problema équea D. Porcalhota nunca mais chega e sem ela não se pode contar a história da Amadora. Enquanto esperam e não esperam pela freguesia em falta, D. Amadora e Mlle. Venteira revêm asquadrase canções que vão representar em palco e espreitam os muitos ilustres já sentados naplateia,o que só agrava o estado de nervos em que já se encontram. Tanto como as notícias quevãochegando,comnovasdaGuerra, declarada há tão pouco tempo, naquele verão de 1914. Com o apertar da hora de início, não lhes resta muita escolha: ou esperam e dão cabo doespetáculoouentramsó as duas e tiram a Porcalhota, de uma vez por todas, da História.

FichaArtística:

 Texto– Joana Marques, Maria João Cruz / Direção– Elsa Valentim / Interpretação– Catarina Guerreiro, InêsMelo/ Esponico,ImagemGráfica,Fotografia– João Rodrigues / sica– Miguel Tapadas / ProduçãoExecutiva– Anabela Gonçalves, Daniela Sampaio / Produção – Teatro dos Aloés

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *