Cultura, Póvoa de Lanhoso

XIX Festival Folclórico Prof. Gonçalo Sampaio na Póvoa de Lanhoso

Rancho BrasilCinco grupos – um brasileiro e quatro portugueses – participam, este ano, no XIX Festival Folclórico Prof. Gonçalo Sampaio, que se realiza na próxima sexta-feira, dia 15 de agosto, na Póvoa de Lanhoso.

Desta forma, nesta edição, este festival assume um carácter internacional, ao acolher o Rancho Folclórico Maria da Fonte proveniente do Brasil.

“É para nós uma honra receber todos estes grupos, em especial um que tem o nome da nossa figura lendária Maria da Fonte e que contribui além-fronteiras para divulgar a nossa terra, as nossas gentes, a nossa história e as nossas tradições”, refere o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Manuel Baptista. “A este respeito, relembro só que temos em construção o Centro Interpretativo Maria da Fonte, que será também importante para o estudo e para o conhecimento desta mulher referência do Minho”, nota ainda.

Três grupos da Póvoa de Lanhoso irão atuar.

O programa começa pelas 14h30, com a concentração dos grupos, seguindo-se o desfile e a entrega das fitas. O Festival começa pelas 15h00, na Praça Eng. Armando Rodrigues. O Rancho Folclórico de S. Julião de Covelas, o Rancho Folclórico de Porto D’Ave – Taíde e o Rancho Folclórico de Santa Maria de Verim são os grupos da Póvoa de Lanhoso que irão atuar. O Grupo Etnográfico de Valbom – Gondomar (Porto) também irá atuar neste Festival, que preenche uma das tardes mais aguardadas do Verão. Este evento integra o programa de animação Verão Com(n)vida.

Presidente da Câmara recebe grupo brasileiro.

A comitiva do Rancho Folclórico Maria da Fonte será recebida nos Paços do Concelho, no dia 15 de agosto, pelas 10h45. Este grupo terá ainda oportunidade de conhecer alguns pontos turísticos e históricos do nosso Concelho.

Este grupo pertence à Casa do Minho do Rio de Janeiro, associação cultural sem fins lucrativos fundada em 1924 com o objetivo de reunir os imigrantes Portugueses, principalmente da região do Minho, para reviverem histórias, costumes e tradições. Com o passar dos anos sentiu-se a necessidade da formação de um grupo folclórico que pudesse divulgar tanto a Casa como a beleza das danças e cantares do Minho. Assim, a 18 de dezembro de 1954 foi fundado o Rancho Folclórico Maria da Fonte.

 

Este Rancho é um dos mais tradicionais grupos de folclore Português do Brasil e o mais antigo em atividade nesse país. O grupo inicialmente era formado por Portugueses, mas atualmente conta com 60 elementos, quase todos brasileiros descendentes e não descendentes de Portugueses. Este grupo já se apresentou por todo o Brasil e Portugal, especialmente em reconhecidos festivais nacionais e internacionais, os quais lhe renderam diversas distinções.

O Rancho possui um rico acervo de vestimentas. São mais de 130 trajes, desde os trajes de luxo até aos de trabalho. A sua discografia inclui quatro gravações realizadas do seu repertório, sendo a mais recente delas em comemoração aos 50 anos de sua fundação.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *