Celorico de Basto, Cultura

XII Festival Nacional do Rancho Folclórico de Santa Maria de Canedo em Celorico de Basto

XII festival de Folclore (4)A sede do Rancho Folclórico Recreativo e Cultural e Santa Maria de Canedo foi o palco do XII Festival Nacional, que decorreu no dia 1 de agosto e contou com a presença de 3 ranchos convidados.

 

Este festival contou com a presença, para além do anfitrião, do Rancho Folclórico do Centro Social e Paroquial de Alfena em Valongo, o Rancho Folclórico as Padeirinhas de Amarante e o Rancho Folclórico Santo Estevão de Briteiros em Guimarães.

 

O presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, salientou a importância destes festivais na promoção de danças e cantares que caracterizam o concelho. “A tradição do folclore destaca características ímpares deste concelho incutidas nas danças, cantares, trajes e instrumentos musicais. São tradições que têm que ser valorizadas para que ganhem cada vez mais força e praticantes. Apesar de todas as dificuldades nota-se que as pessoas, a quem temos que dar mérito, estão empenhadas em valorizar o folclore e o município continuará a apoiar da melhor forma para que esta tradição se mantenha”.

 

No mesmo sentido, e durante a cerimónia de entrega de fitas e lembranças aos ranchos convidados, a presidente da Direção do Rancho de Santa Maria de Canedo, Lurdes Lima, destacou que “é necessário manter as tradições do folclore bem vivas. E, com o apoio das entidades locais como o município, e com a vontade desta gente jovem em manter estas danças e cantares estou certa que este festival se realizará por muitos anos”.

 

A iniciativa contou com uma vasta plateia de amantes do folclore que aproveitaram a noite fria para dançar ao som das diferentes “modas” interpretadas, destaque para “Linda Rosinha, Vira da nossa terra, Botei o limão correndo”, entre outras.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *