Economia

EXPOMECÂNICA conduz em outubroo aftermarket automóvel até à EXPONOR

Expomecanica_cartaz_A4_compO certame é uma estreia e, organizado pelo mais recente operador da indústria portuguesa de eventos, decorre simultaneamente à grande festa nacional dos veículos clássicos e de época – o autoClássico

 

O calendário de acontecimentos do panorama automóvel português conta com um novo marco. Dá pelo nome de expoMECÂNICA – Salão de Equipamentos, Serviços e Peças Auto e, de 3 a 5 de Outubro, conduzirá até à EXPONOR – Feira Internacional do Porto todo o aftermarket do setor. A expressão abarca, na gíria da indústria, a totalidade dos segmentos relacionados com a reposição e o pós-venda, que no âmbito do certame aparecerão assentes em quatro eixos: peças e equipamentos, reparação e manutenção, tecnologias de informação e gestão, e, também, estações de serviço e lavagem de carros (todos os detalhes em http://www.expomecanica.pt/).

 

No nosso País, e coligindo alguns dados setoriais, o mercado de pós-venda exibe uma concentração assinalável em torno de 250 lojas e uma centena de distribuidores. Serão cerca de seis mil as oficinas de reparação independentes e mil os concessionários, que prestam serviço a um parque de pouco mais de quatro milhões de veículos, com uma antiguidade média a ultrapassar os 10 anos.

 

Desenhado para ser, em exclusivo, uma realização de – e para – profissionais e amantes de automóveis, o expoMECÂNICA quer posicionar-se, logo na 1.ª edição, como um evento de referência e principal plataforma em Portugal para atualidades, lançamentos (das últimas novidades e soluções) e negócios do setor de oficinas e mecânica.

 

Mas a estreia será dupla, pois que é a primeiríssima organização do mais recente operador do mercado português de eventos – a KiKai.

 

«Percebemos um valor económico captável e muito interessante, pois não existe no norte do País nenhuma feira profissional para o aftermarket automóvel, sendo evidente a grande paixão que as gentes nortenhas têm por este universo», refere José Manuel Costa, sócio diretor da KiKai Eventos.

 

Tecido empresarial muito receptivo ao evento

 

Com mais de 15 anos de experiência na atividade, aquele que foi o responsável pela implantação e direção da EXPONOR Brasil, está ciente das dificuldades da atual conjuntura económica, mas, explica José Manuel Costa, o feedback dos «primeiros, segundos e terceiros contactos empresariais», rumo ao expoMECÂNICA, deram (mais do que) alento ao desafio. Que vingou e ficou enriquecido com os apoios da Associação Nacional do Ramo Automóvel (ARAN) e do Centro de Formação Profissional da Reparação Automóvel (CEPRA).

 

«Temos tido um acolhimento extremamente positivo por parte das empresas, o que nos deixou agradavelmente surpreendidos. Por entre as reservas iniciais de um ou outro, certo é que os agentes do setor estão a aderir ao conceito e, a três meses da inauguração, estamos satisfeitos com o volume de massa expositiva que já garantimos e os pré-acordos em fase de finalização», sublinha o diretor da KiKai Eventos.

 

No entender da também sócia e diretora Sónia Rodrigues, o facto do expoMECÂNICA decorrer simultaneamente à 12.ª edição do autoClássico, a grande festa dos veículos clássicos e de época do País, é um indutor extra de participação e visitação.

 

«Uma feira em primeira edição não tem tradição – e nós queremos tê-la! Optámos, assim, por realizar o Salão na EXPONOR, uma estrutura sobejamente conhecida, e, para além disso, no mesmo fim de semana de uma feira com foco no automóvel. Falámos com os organizadores do autoClássico, a Eventos del Motor, e pese embora tratar-se de um acontecimento destinado ao público em geral, e o nosso apenas a profissionais, as sinergias parecem-nos óbvias, pois que entre os milhares de visitantes do autoClássico há muitos que são profissionais ligados ao setor», secunda José Manuel Costa

 

Oficina Modelo e atividades paralelas conferirão maior dinamismo

 

São, no entanto, as valências internas do expoMECÂNICA que mais alimentam a motivação da equipa da KiKai Eventos. Para dinamizar o certame estão a ser programadas várias atividades complementares. «Criámos um conjunto de iniciativas paralelas com o intuito de incrementar o dinamismo da feira e, igualmente, constituir um forte motivo de atração para os visitantes profissionais. Queremos que estes tenham oportunidade para fazer negócios, mas, também, consigam encontrar naqueles três dias abordagens que os façam sentir bem recebidos e, na saída, enriquecidos», enuncia José Manuel Costa.

 

A “Oficina Modelo” será uma dessas manifestações. Com a participação de empresas e marcas em exposição, o ambiente simulará o funcionamento de uma oficina para serviços rápidos com alta qualidade e eficiência. E os visitantes terão a oportunidade de conhecer de perto todos os procedimentos.

 

Outra das atividades dá pelo nome de “Agenda do Carro”. Será a tribuna de debate, com especialistas, em torno das questões que mais interessam ao setor, e que passam por temáticas fiscais, ambientais, laborais e de homologação de produtos.

 

O expoMECÂNICA contará também com um “Espaço Demonstração”, onde os expositores poderão destacar as novidades que têm na calha, e um “Espaço Os Carros do Século XX”, numa mostra de automóveis emblemáticos, com as respetivas trajetórias e os momentos mais marcantes.

Uma exposição de veículos clássicos, alguns leilões (com pendor de apoio social) de produtos auto e passatempos variados (de cariz recreativo) são outras das iniciativas em agenda, que girarão na envolvência do “Car Lounge” – um espaço sofisticado no coração do salão, especialmente desenhado para atender à agenda social e de negócios dos clientes do expoMECÂNICA, num ambiente de requinte e sofisticação.

 

 

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *