Mação, Sociedade

Encontro de Maçaenses em Lisboa reuniu mais de três centenas de participantes

maçaenses27Mais de trezentos Maçaenses residentes na Área Metropolitana de Lisboa responderam ao desafio da Câmara Municipal de Mação e marcaram presença no Encontro de Maçaenses que se realizou no passado sábado, 22 de Março, no Clube Cultural e Desportivo dos Trabalhadores do Grupo Banco Espírito Santo, em Lisboa.

Desta vez não tiveram que se deslocar a Mação, porque Mação esteve na capital, naquele que foi um verdadeiro espaço de partilha de opiniões e perspectivas sobre vários temas e, acima de tudo, de recolha de sugestões e propostas concretas para o Concelho de Mação.

Durante cerca de cinco horas falou-se sobre o Concelho, num Auditório que se tornou pequeno para o grande número de participantes que não arredaram pé da sessão, pelo que se pode dizer com toda a certeza que esta foi uma iniciativa de sucesso.

Vasco Estrela, Presidente da Câmara Municipal de Mação, dirigiu-se aos seus Conterrâneos dizendo que “este Encontro não faria sentido se não estivessem presentes. E temos, desde já, este desafio ganho porque a vossa presença é sinal de que estão preocupados com o Concelho de Mação, que gostam do Concelho de Mação e que quiseram vir aqui conversar connosco”.

Assumindo a realização deste evento como uma das suas prioridades desde que se candidatou à Autarquia, Vasco Estrela foi peremptório em afirmar que “entendi e entendo cada vez mais que no actual momento que o Concelho de Mação atravessa, que o País atravessa, todos somos poucos para dar a volta à situação em que nos encontramos e penso que a experiência e o amor que todos os presentes têm pelo nosso Concelho, que a ligação que ainda mantêm à nossa terra, podem ser muito úteis para o desenvolvimento da mesma. Por isso, aquilo que pedimos são as vossas opiniões, os vossos contributos, mas também as vossas críticas e sugestões”. Pediu, neste contexto, que ajudem o Concelho, apelando à criação pontes e de uma rede que permita encontrar soluções para um futuro comum e melhor do Concelho, referindo a sua pertinência para se tomarem as melhores decisões, nomeadamente com a chegada de um novo Quadro Comunitário de Apoio que permitirá aceder a fundos comunitários de valor considerável. Solicitou também que se estabeleça uma boa rede de contactos, no âmbito da actividade profissional de cada um, que possa ser útil para Mação. Indagou ainda sobre a possibilidade de os produtos produzidos no Concelho chegarem com regularidade às casas dos Maçaenses residentes em Lisboa ou a pertinência da criação de uma “Casa de Mação” na capital.

“Vimos aqui de peito aberto para receber as vossas críticas e sugestões, mas essencialmente para reflectirmos sobre o nosso futuro comum. Peço-vos que ajudem a vossa terra. Naturalmente, não por mim, mas pelo vosso Concelho, pela terra dos vossos antepassados. Todos somos poucos para ultrapassar as dificuldades em que nos encontramos. Vamos tentar ajudar a nossa terra por um futuro melhor, que é o meu desejo e que eu sei que também é o vosso desejo”, pediu Vasco Estrela.

Nesta sessão, António Louro, Vereador da Floresta e Protecção Civil, falou sobre a organização territorial e o melhor modelo a seguir, nomeadamente a questão das Zonas de Intervenção Florestal e Ordenamento Florestal. Igualmente a questão dos produtos endógenos e da estratégia da Marca Mação esteve em cima da mesa. Para matar saudades de casa, a Câmara Municipal preparou também um filme do Município.

Esta iniciativa cumpriu claramente o objectivo de proporcionar um espaço privilegiado de reunião dos filhos da terra que, pelas contingências ou opções da vida, se instalaram na capital e arredores. Objectivo atingido foi igualmente o de recolher contributos, sendo que muitos dos participantes levavam já preparadas intervenções com ideias para a sua terra, outros falaram de coração aberto e de sugestões/propostas concretas, que serão agora analisadas pela Autarquia.

Este foi um dia em grande para o Concelho, para os naturais desta terra, com abundante partilha e convívio na sede do Clube GBES, cujas instalações foram gentilmente cedidas para a concretização deste Encontro pela Direcção do mesmo, com grande empenho particular do seu Presidente, o Maçaense Manuel Serras.

Intimamente ligado ao Concelho, quer familiarmente quer afectivamente, tendo pertencido aos órgãos da Câmara Municipal de Mação, enquanto Vereador, e membro da Assembleia Municipal, Manuel Serras é também Presidente da Associação da Serra, sua aldeia natal. Conhecedor da realidade Concelhia e membro activo na vida associativa, diz que “o associativismo faz parte do meu ADN”. Pelo amor à sua terra e aos seus conterrâneos prontamente disponibilizou as instalações do Clube GBES. “É uma grande honra receber-vos neste espaço”.

Vasco Estrela agradeceu reconhecidamente este gesto afirmando que “este é um bom exemplo de, como estando em Lisboa, podemos ajudar a nossa terra. Agradeço a gentileza e tudo o que tem feito pelo Concelho de Mação”.

Porque o dia foi dos Maçaenses e para os Maçaenses, o Encontro contou com a brilhante actuação da Orquestra Ligeira da Sociedade Filarmónica União Maçaense, que se fez acompanhar, em algumas músicas, pelas vozes das Maçaenses Francisca Correia e Marisa Lourenço.

A encerrar teve lugar uma apreciada degustação de produtos do Município de Mação e um agradável convívio entre Maçaenses.

Vasco Estrela, Presidente da Câmara Municipal de Mação, agradece reconhecidamente a todas as pessoas que colaboraram nesta iniciativa: aos funcionários da Autarquia envolvidos; aos Maçaenses que se deslocaram propositadamente de Mação e/ou participaram no evento; ao Grupo Cultural e Desportivo dos Trabalhadores do Grupo Banco Espírito Santo, nomeadamente ao seu Presidente, Dr. Manuel Serras; à Sociedade Filarmónica União Maçaense, à Francisca Correia e Marisa Lourenço. A todos aqueles que, de uma forma ou de outra, colaboraram na preparação e acompanhamento desta iniciativa de sucesso, aqui fica uma palavra de agradecimento.

Aos Maçaenses residentes na Área Metropolitana de Lisboa, a quem dedicámos este dia, um muito Obrigado pela presença, participação e partilha de opiniões, sugestões e propostas.

Este dia ficará marcado na nossa e na vossa memória! Foi um grande dia para Concelho de Mação.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *