Celorico de Basto, Cultura

Castelo de Arnoia em Celorico de Basto foi alvo de poesia trovadoresca

O mês de fevereiro iniciou da melhor forma em Celorico de Basto com um programa cultural a cativar miúdos e graúdos. No dia 1, o Castelo de Arnoia foi o pano de fundo de uma atividade direcionada à poesia trovadoresca e nem o mau tempo que se fazia sentir impediu a realização da mesma.

A atividade intitulada “CON Vivência” foi organizada por Sentir Património com a colaboração do Agrupamento de Escuteiros de Arnoia e a Associação dos Amigos do Castelo e pretende repetir-se várias vezes ao longo do ano no ex-libris patrimonial de Celorico de Basto, o Castelo de Arnoia.

Dadas as condições meteorológicas adversas, a atividade decorreu na íntegra no Centro Interpretativo do Castelo de Arnoia. Contou com a presença dos atores Amílcar Mendes e Fernando Soares a recitar poesia.

O chefe do Agrupamento de Escuteiros de Arnoia, Nuno Machado, salientou a importância de valorizar o património que caracteriza a região. “Temos património “de encantar” que merece ser valorizado. Esta atividade foi a primeira de muitas que pretendemos realizar e esperamos que a nossa comunidade esteja cada vez mais recetiva a iniciativas do género”.

A ação contou ainda com a atuação do Rancho Amigos do Castelo e com a presença de dezenas de pessoas. Recorde-se que o Castelo de Arnoia está integrado na Rota do Românico sendo o ex-libris da mesma.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *