Sociedade, Torres Vedras

Atividade para famílias de crianças com necessidad​es educativas especiais em Torres Vedras

sentir especial iluistração de Nuts for PaperNo dia 2 de fevereiro, domingo, às 15h30, o Teatro-Cine de Torres Vedras recebe a oficina de teatro e música “Um Carnaval Diferente Passado com Animais”, no âmbito do projeto Sentir Especial. A temática desta oficina prende-se com o Carnaval e decorrerá sob a orientação do musicólogo e mestre em educação especial Pedro Simão Vaz.

 

“Com base na obra musical O Carnaval dos Animais do compositor Saint – Saëns será contada uma história sempre com o apoio da audição da mesma. A relação e interação das famílias para com as respetivas crianças será de suma importância nomeadamente na caraterização de cada um dos animais que farão parte desta história: o elefante, o canguru, o coelho … No seguimento da sessão anterior será, mais uma vez, abordada a exploração do rosto como meio de autoconhecimento e de identidade. Tendo em conta que nesta oficina é o teatro que estará ligado à música será também abordado o corpo nas suas vertentes performativas e expressivas.

A música estará sempre presente para que mais facilmente se consigam expressar os sentimentos, emoções, expressões corporais, assim como todos os estados de espírito que esta nos faz subentender.”

 

“Um Carnaval Diferente Passado com Animais” é uma atividade com lotação máxima de 6 famílias de crianças com necessidades educativas especiais, sendo que, para participar, as crianças deverão ter uma idade superior a 6 anos. Os interessados na atividade devem inscrever-se através do tlf.: 261 338 131.

 

“Sentir Especial é um programa de atividades culturais e educativas, desenhado para públicos com necessidades educativas especiais, com um enfoque especial nas famílias, onde se cruzam diferentes linguagens artísticas como a música, a literatura, as artes performativas, através da dança ou de simples expressões corporais. Pretende-se com este programa proporcionar momentos especiais e de cumplicidade entre os membros da família, e promover a relação entre as diferentes famílias, que sustente uma partilha para além deste Sentir Especial.”

 

Informação sempre atualizada em www.cm-tvedras.pt

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *