S. João da Madeira, Turismo

Projeto pioneiro de Turismo Industrial comemora aniversári​o em S. João da Madeira

Visita à ViarcoOs Circuitos pelo Património Industrial de S. João da Madeira estão a assinalar o seu 2.º aniversário. Este projeto de Turismo Industrial nasceu em janeiro de 2012, dando corpo a uma nova dimensão turística consistente, baseada na indústria tradicional sanjoanense – passado e presente – e nas novas indústrias tecnológicas e criativas que já são também uma marca da cidade.

O Turismo Industrial de S. João da Madeira tem por missão a projeção e consolidação nacional e internacional do Município na sua dimensão turística ligada à indústria, potenciando o desenvolvimento económico e social, a bem da qualidade de vida dos cidadãos.

 

Mais de 35 mil visitantes

 

A 23 de janeiro, faz precisamente dois anos que foram criados os Circuitos pelo Património Industrial de S. João da Madeira, o primeiro projeto do género em Portugal, e que já levou mais de 35 mil visitantes às fábricas e às instituições ligadas às principais atividades industriais deste concelho.

Ao longo desse dia, a cidade vai reviver o passado tão presente às horas bem marcadas, com o toque de sirenes industriais a assinalar simbolicamente a entrada e saída do serviço, como acontecia em tempos, numa homenagem a todos os trabalhadores – de todas as gerações – de S. João da Madeira.

Na mesma data realizam-se visitas gratuitas aos Circuitos pelo Património Industrial de S. João da Madeira, mediante marcação prévia (informações pelo telefone 256 200 204 ou e-mail turismoindustrial@cm-sjm.pt).

 

Feltros ao encontro dos criadores

 

A 24 de janeiro, às 21h30, procede-se à abertura oficial das comemorações deste 2º Aniversário do Turismo Industrial, no WR Hotel de S. João da Madeira (parceiro do projeto), com demonstrações ao vivo e a inauguração da exposição “Feltros Sanjoanenses. A Fepsa ao encontro dos criadores.”

Essa mostra é constituída por criações a partir do feltro, de nomes da região como Paulo Neves, Fernando Veloso, Filomena Almeida, Egídio Alves, José António Strena, Pedro Alves, Rosa Godinho e Raquel Geraldes, assim como de empresas como a Helsar, Evereste, Resende e Costa, Heliotextil, Costa Larga e Eduardo Pereira de Almeida. Todas estas criações serão leiloadas em www.fepsa.pt, cuja receita reverterá a favor de uma instituição social local.

Na semana seguinte, a 28 de janeiro, abre uma outra exposição: “Turismo Industrial. Circuitos pelo Património Industrial de S. João da Madeira”. Patente no centro comercial 8.ª Avenida, aí se apresentam os Circuitos pelo Património Industrial através dos materiais e produtos finais produzidos pelos parceiros do Turismo Industrial. De uma forma simples e acessível, cada visitante percebe facilmente as diferenças entre os materiais e a evolução dos mesmos dentro de uma cadeia operatória.

 

Teatro e música nas fábricas

 

Entre 23 e 31 de janeiro, há pacotes para grupos de 4 a 8 pessoas que incluem visitas flash ao Turismo Industrial mais jantar – este com desconto de 10% – no restaurante do Hotel WR de S. João da Madeira. Já o Museu da Chapelaria proporciona, mediante inscrição prévia, visitas encenadas sob o título “Os atores somos nós”, destinada a crianças do 1º ciclo e a seniores. A ideia é dar a conhecer alguns dos mais emblemáticos momentos da chapelaria em S. João da Madeira, transformando os visitantes em protagonistas desta história tão rica.

No final do mês de janeiro, em parceria com o grupo Anim’Art da Universidade Sénior de S. João da Madeira o destaque vai também para o “Teatro pelas Fábricas”, com efeito surpresa para os atores principais do turismo industrial – os funcionários das indústrias do concelho. Também haverá “Ritmos musicados pelas fábricas + visitas noturnas”, todas as sextas-feiras, de 24 de janeiro a 7 de março. Uma iniciativa que percorre as fábricas Evereste, Helsar, Heliotêxtil, Cortadoria, Fepsa e Viarco, com o envolvimento da Banda de Música de S. João da Madeira, Coro de Câmara e Coro da Empresa Heliotêxtil. A música entrará nas fábricas para seduzir todos aqueles que se queiram juntar à festa!

 

Projetar S. João da Madeira e a sua indústria

 

O Turismo Industrial vem, assim, a afirmar-se como um produto turístico de elevado valor económico, cultural e lúdico, através do qual mais turistas conhecem empresas em atividade, revivem atividades de outros tempos através das visitas ao património.

Além de fábricas, estes roteiros incluem o reconhecido Museu da Chapelaria e o futuro Núcleo do Design do Calçado, espaços museológicos, técnicos e criativos dedicados a duas das grandes indústrias que projetam o nome de S. João da Madeira no país e no mundo.

O Welcome Center do Turismo Industrial, que se localiza no emblemático edifício da torre da Oliva, é responsável por prestar informações aos turistas, organizar as visitas e servir de interface entre os visitantes e as empresas.

Este local também alberga a Loja do Turismo do Porto e Norte de Portugal e disponibiliza diversos equipamentos multimédia e interativos que promovem a visita às empresas e instituições que fazem parte do projeto.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *