Lamego, Sociedade

Liga dos Bombeiros atribui Crachá de Ouro a Francisco Lopes – Lamego

Cracha_Ouro_Liga_bombeiros_portugueses2013O Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Francisco Lopes, foi distinguido pela Liga dos Bombeiros Portugueses com a entrega do Crachá de Ouro desta instituição, durante a cerimónia do 136º aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Lamego. A atribuição desta distinção ao autarca, que assume também a presidência da Assembleia Geral dos Bombeiros, visa “fazer justiça e reconhecer a sua permanente e desinteressada devoção às insignes causas do Humanismo e da Solidariedade”, desde que em 2005 está à frente do executivo camarário. Orlando Lourenço, reputado empresário local proprietário das Caves da Raposeira, foi a outra personalidade galardoada pela Liga dos Bombeiros com a outorga do Crachá de Ouro.

Com toda a pompa e circunstância, a celebração de mais um aniversário dos “soldados da paz” de Lamego mobilizou todos aqueles que ao longo dos últimos anos prestam auxílio em casos de emergência. Um ponto alto do programa das comemorações deste ano foi a entrega pelo Ministério da Administração Interna da Medalha de Mérito de Proteção e Socorro à Associação Humanitária dos Bombeiros de Lamego.

Filipe Lobo d´Ávila, secretário de Estado da Administração Interna, deslocou-se a Lamego onde recordou, num discurso emocionado, a infância passada aqui durante o período em que o seu pai assumiu funções de comandante do Centro de Tropas de Operações Especiais (CTOE). As ligações afetivas e familiares a esta cidade são, no entanto, mais profundas. Filipe d´Ávila é bisneto de Alfredo de Sousa, antigo presidente da Câmara Municipal de Lamego, cujo nome foi atribuído à principal avenida desta cidade.

No âmbito do 136º aniversário dos Bombeiros Voluntários de Lamego trinta e cinco associados foram reconhecidos com diplomas de 50 anos de antiguidade. Registando em média cerca de 18 mil ocorrências por ano, o corpo de bombeiros é formado por 85 elementos, apoiados por 24 viaturas.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *