Economia, Tomar

Apoiar o empreendedorismo em Tomar

IMG_9055Numa iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Tomar em parceria com a NERSANT e ainda com o apoio do Instituto Politécnico de Tomar e do Instituto do Emprego e de Formação Profissional, decorreu nos Paços do Concelho de Tomar, no dia 11 de Julho, uma sessão de apoio ao empreendedorismo, com o objetivo de divulgar os mecanismos de apoio à criação de empresas.

“Na presente conjuntura económica, social e mesmo política, não poderia haver uma iniciativa que se enquadrasse melhor nos anseios de todos nós do que a divulgação de programas e incentivos de apoio ao empreendedorismo”, disse na ocasião o presidente da Cãmara de Tomar, Carlos Carrão.

“De facto, e independentemente da sensibilidade politico-partidária de cada um”, continuou, “penso que neste momento há unanimidade dos portugueses em relação a um ponto: é necessário e urgente reactivar a economia, criando novas empresas, novos postos de trabalho e dinamizando os mercados”, sublinhando a necessidade de que os potenciais investidores tenham “uma palavra de estímulo e de confiança no futuro” e que “sejam devidamente informados dos apoios e incentivos com que podem contar”.

“A região tem gente boa, mas deve-se exponenciar este potencial. É com este objetivo que a NERSANT tem realizado muitas ações de divulgação dos apoios ao empreendedorismo na região”, afirmou por seu lado António Campos, Presidente da Comissão Executiva da NERSANT.

António Campos referiu ainda que o empreendedorismo é uma das áreas prioritárias da NERSANT desde 1999 e esta associação empresarial está a fazer de tudo para minimizar os efeitos do desemprego na região. “Neste momento, temos uma candidatura aprovada que vai integrar 300 jovens licenciados nas empresas da região”, divulgou o Presidente da Comissão Executiva da NERSANT, ao mesmo tempo que chamou a atenção para a alteração da legislação há muito reclamada pela NERSANT e que vai permitir que, “a partir de 2014, os empresários recebem subsídio de desemprego no caso de algo correr mal com os seus negócios”. Por este motivo, António Campos encorajou os cerca de 80 desempregados presentes em Tomar a criar “sem medo” a sua própria empresa, tendo apresentado, para tal, os mecanismos que a NERSANT tem ao dispor dos interessados, de forma gratuita.

Como programa base de apoio ao empreendedorismo, foi dado a conhecer o ApoiarMicro, onde os empreendedores podem ter um apoio técnico constante e concreto para a elaboração do seu plano de negócios. Paralelemente e de forma complementar ao ApoiarMicro, a associação criou ainda o Sítio do Empreendedor, plataforma online que tem como objetivo testar a viabilidade económica de qualquer ideia de negócios, bem como a Formação Inicial de Empreendedores. “Portugal é o país que mais empresas cria, mas que ao mesmo tempo, mais empresas destrói. Parece-me que o problema não será a falta de ideias e iniciativa, mas sim a falta de formação, pelo que sugerimos esta ação integrada composta por cinco módulos essenciais à gestão de qualquer negócio”, advertiu António Campos.

O Presidente da Câmara de Tomar agradeceu o trabalho da NERSANT em prol do tecido empresarial da região e do concelho, tendo recebido com especial agrado a aprovação da candidatura da associação que vai resultar em estágios de 300 jovens licenciados nas empresas da região.

Também representado esteve o Instituto Politécnico de Tomar que, pela voz de Conceição Fortunato, destacou a abertura de uma licenciatura em empreendedorismo neste estabelecimento de ensino.

O Serviço de Emprego de Tomar apresentou o PAECPE – Programa de Apoio ao Empreendedorismo e à Criação do Próprio Emprego, que permite aos desempregados criar o seu próprio posto trabalho através do adiantamento das prestações de desemprego ou através de recurso ao microcrédito. No âmbito deste projeto, os empreendedores candidatos têm direito a apoio técnico gratuito para a constituição do plano de negócios, que também é facultado pela NERSANT, enquanto entidade acreditada pelo IEFP para o efeito.

O Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade da NERSANT vai continuar a percorrer a região com o objetivo de encorajar os desempregados da região a criar o seu próprio emprego, estando ainda disponível para mais esclarecimentos através dos números 249 839 500 ou datic@nersant.pt.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *