Economia, Sociedade, Vila Real de Santo António

Fórum «Refundar a República» avalia soluções para iniciar funcionamento do Banco de Resgate de VRSA

O Fórum «Refundar a República» dá seguimento, esta quarta-feira, às 21h30, na Biblioteca Municipal Vicente Campinas, em VRSA, ao ciclo de debates que tem como meta encontrar soluções para repensar o funcionamento das instituições e da democracia.

A sessão do dia 3 de julho será subordinada ao tema «O Banco de Resgate e o sobre-endividamento das famílias e das empresas: soluções imediatas» e tem como convidados o psiquiatra Ricardo Gusmão e o advogado João Araújo.

O objetivo será observar a questão da crise económica de uma forma multifacetada, procurando novas abordagens tais como a avaliação do impacto do atual cenário económico e social na saúde mental dos portugueses ou na sua relação com as instituições e a banca.

Além deste painel, serão chamadas a intervir todas as forças vivas da sociedade, desde universidades e escolas a associações, movimentos, clubes, comerciantes, bancos, empresas, IPSS, representantes políticos, entre muitos outros convidados.

O fórum dá também seguimento à fundação do Banco de Resgate de VRSA, uma estrutura inovadora pensada para ajudar as famílias a ultrapassar situações de insolvência ou sobre-endividamento lançada publicamente no dia 13 de junho, na presença do Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social, Marco António Costa, e de João Gil Pedreira, autor do livro «Resgate das Famílias e Empresas do Sobre-endividamento Crónico».

«Refundar a República» é o tema base de um ciclo de 12 debates cujo primeiro objetivo é motivar a participação na vida pública das pessoas, das famílias e das empresas (especialmente das micro e pequenas empresas) e assim encontrar soluções sustentáveis, justas e eficazes para vencer a crise.

O Fórum procura concretizar esse objetivo através da divulgação de diferentes perspetivas e abordagens dos fenómenos sociais atuais, sendo incentivada a colaboração de todas as entidades locais, governamentais e não-governamentais.

A data de 25 de Abril foi simbolicamente escolhida como o dia de arranque da iniciativa, antecipando a comemoração dos 40 anos de Democracia em Portugal.

Para ampliar a participação da sociedade civil, o Fórum dispõe de um sítio na internet em www.refundararepublica.wordpress.com, tem forte representação nas redes sociais (www.facebook.com/fórum.refundar) e possui um canal próprio onde se encontra disponível um vasto arquivo audiovisual das ideias levadas a debate (http://www.youtube.com/user/refundararepublica).

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *