Amadora, Sociedade

Camara Municipal da Amadora integra Rede Portuguesa de Cidades Interculturais

A Câmara Municipal da Amadora assinala o Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento, 21 de maio, estabelecido pela UNESCO em 2001, com a divulgação de Declaração sobre a Rede Portuguesa de Cidades Interculturais, na sequência de compromisso assinado pelo Presidente da Câmara e o Conselho da Europa formalizando a adesão da Amadora a esta Rede.

Não basta que os decisores políticos aspirem a ter uma cidade intercultural; a referência de sucesso, neste âmbito, é a “marca” positiva que imprimem na qualidade de vida dos cidadãos.

O Programa “Intercultural Cities” é uma iniciativa conjunta do Conselho da Europa e da União Europeia, alicerçado nos princípios de que a diversidade proporciona vantagens para as comunidades urbanas ao nível da inovação económica, social e cultural e que só se concretiza se às diferentes culturas é dada oportunidade de interagir, desenvolver empatia e cooperar a nível local. Esta abordagem permite reformular políticas de diversidade a partir de uma atitude progressista: as pessoas como o principal ativo da cidade e não como um problema demográfico e/ou social.

 

 

 

 

Existe uma rede internacional (criada em 2008, Ano Europeu do Diálogo Intercultural) que conta atualmente com 21 cidades. Como resposta ao interesse crescente pelo Programa e contrariando uma rede internacional demasiado grande e ingerível, a solução passa por incentivar a constituição de redes nacionais. Neste âmbito, Espanha, Itália, Noruega e Ucrânia contam já com redes nacionais. Portugal junta-se agora com a Rede Portuguesa de Cidades Interculturais (RPCI).

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *