Cultura, Marinha Grande

“Bioriqueza” no Museu Joaquim Correia na Marinha Grande

ExposicaoBioriqueza_4Até 29 de junho, o Museu Joaquim Correia, situado no Largo 5 de Outubro, na Marinha Grande, apresenta a exposição “Bioriqueza”, de Gonçalo Lemos.

 

A mostra, que foi inaugurada a 4 de maio, apresenta cerca de duas dezenas de fotografias do autor, que retratam a natureza e o ambiente. São evocados as Berlengas, cegonha branca, salamandra, cordão dunar, arribas de São Pedro de moel, entre outros cenários.

 

Gonçalo Lemos nasceu na Marinha Grande em 1968. O seu interesse fotográfico começou a ser despertado em grande parte devido à paixão pelo ambiente natural que sempre o rodeou. O Pinhal de Leiria e o ribeiro de S. Pedro foram os grandes inspiradores devido à sua beleza natural.

 

Desde 2005 que se dedica em grande parte à fotografia de natureza, tendo-se especializado principalmente em fotografia noturna. Vencedor de vários prémios nacionais e internacionais, possui trabalhos publicados em vários sites sobre fotografia noturna e astrofotografia. Assume-se um amante da natureza no usufruto, na sua forma de viver e na fotografia.

 

Estão disponíveis mais informações sobre o autor nos sítios de internet:

www.goncalolemos.com

www.goncalolemos.blogspot.com

www.gigantesdafloresta.blogspot.com

 

A exposição “Bioriqueza” pode ser visitada no Museu Joaquim Correia, até 29 de junho, de terça-feira a sábado, das 10h00 às 18h00.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *