Cultura, Santa Maria da Feira, Saúde

Médicos de família de Santa Maria da Feira prescrevem livros e visitas à Biblioteca a bebés dos 6 aos 36 meses

OLYMPUS DIGITAL CAMERAMédicos de família de seis Unidades de Saúde Familiar (USF) do concelho de Santa Maria da Feira estão a prescrever, nas consultas de saúde infantil, visitas regulares à Biblioteca Municipal a bebés dos 6 aos 36 meses, acompanhados pelos pais. Esta é uma das ações do projeto “Nascido para Ler”, promovido pela Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira, com o apoio financeiro da Fundação Calouste Gulbenkian.

 

Depois de uma fase experimental, que registou uma grande adesão, a Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira decidiu reajustar o projeto “Nascido para Ler”, de forma a dar resposta às inúmeras solicitações de pais, e posteriormente de creches, nomeadamente alargando o número de ações mensais a realizar.

 

Para a execução deste projeto, a Biblioteca Municipal assinou protocolos de colaboração com seis Unidades de Saúde Familiar: USF Terras de Santa Maria e USF Egas Moniz (Santa Maria da Feira); USF Famílias (Lourosa); USF Saúde Mais (Paços de Brandão); USF Saúde Mais (Santa Maria de Lamas); e USF Familiar (Fiães). Nas consultas de saúde infantil, os médicos de família entregam uma receita “Nascido para Ler” aos pais com bebés entre os seis e os 36 meses, com a seguinte prescrição:

 

– Designação do medicamento e dosagem: inscrever o bebé como leitor da Biblioteca Municipal;

 

– Posologia: participar, com o bebé, nas atividades da biblioteca, uma vez por mês; levar, por empréstimo, para casa, livros para ler ao bebé, duas vezes por mês.

 

A Biblioteca Municipal avançou ainda com um plano de formação dos seus promotores de leitura, de forma a desenvolver as suas competências nesta área, especificamente para este grupo etário. Outra das ações foi a aquisição de um fundo documental adequado ao público-alvo, quer para as sessões do “Nascido para Ler”, quer para empréstimo domiciliário.

 

A cada bebé inscrito neste projeto é oferecido o objeto “Nascido para Ler”, que serve, simultaneamente, de almofada e de bolsa para transportar os livros.

 

As sessões do “Nascido para Ler” acontecem duas vezes por mês, aos sábados de manhã, na Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira, às 10h30 e às 11h15. As próximas vão realizar-se nos dias 11 e 25 de maio.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *