Sociedade, Tecnologia, Tomar

1 de março comemorado com lançamento da Memória Digital de Thomar

Comemora-se no próximo 1 de março o Dia de Tomar, celebrando os 853 anos da fundação do Castelo Templário por D. Gualdim Pais.

Esta data, que é feriado municipal, terá como ponto alto o lançamento da Memória Digital de Thomar, um novo site integrado no projeto Máquina do Tempo, que disponibiliza milhares de documentos relacionados com a cidade e o concelho, desde fotografias a cartazes, recortes de jornais ou fac-símiles de publicações.

As cerimónias oficiais decorrerão, como é hábito, na Praça da República, com missa de ação de graças às 10 horas na igreja de S. João Baptista, seguida, às 11, do hastear das bandeiras nos Paços do Concelho e da deposição de flores na estátua de D. Gualdim Pais.

À tarde haverá iniciativas diversas dirigidas à comunidade, entre as quais um encontro de coros de universidades seniores, a partir das 15 horas, na igreja de Santa Maria dos Olivais.

À mesma hora e até às 17, os mais pequenos terão oportunidade de participar em atividades lúdicas e radicais, a decorrerem na zona desportiva. Também especialmente dedicada às crianças, mas não só, será a peça de teatro “Pinóquio” com que o grupo Espaço Zero dará início à Mostra Teatral Concelhia, pelas 16 horas, no Cine-Teatro Paraíso.

Pelas 17 horas, será a vez de o auditório da Biblioteca Municipal acolher, então, o lançamento da Memória Digital de Thomar. O site permitirá visualizar documentos distribuídos pelas seguintes categorias: imprensa, biblioteca, fototeca, cartazes, mapas e plantas e videoteca; pretendendo funcionar como uma ampla base de dados sobre a História de Tomar, onde se podem encontrar desde curiosidades como anúncios antigos ou cartazes que nos fazem regressar ao passado, até inúmera documentação de grande valor para os investigadores.

Este site integra-se no projecto Máquina do Tempo (parceria entre a Câmara Municipal de Tomar, a Escola Básica 2,3 Nuno Álvares Pereira, o Instituto Politécnico de Tomar e o Convento de Cristo), responsável, entre outros, pelo Guarda-roupa Histórico Samuel Levy, pelo site Tomar Terra Templária e pela organização do Festival de Estátuas Vivas.

Com a sua implementação, será grandemente facilitado o acesso digital aos referidos documentos, servindo também como uma ponte para as instituições (Biblioteca Municipal de Tomar, Arquivo Fotográfico Silva Magalhães, etc.) onde se encontram as fontes originais.

As comemorações do dia 1 de março terminam à noite, com a apresentação pelo Fatias de Cá do filme “Ligações perigosas”, realizado por aquele grupo de teatro. A sessão começará às 21h21, sendo a única atividade do Dia de Tomar com entrada paga (7,77 €, que incluem a oferta do DVD). Reservas disponíveis em reservas@fatiasdeca.net ou pelo telefone 960 303 991.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *