Póvoa de Lanhoso, Sociedade

Jovens debateram Ambiente e Sustentabilidade na Póvoa de Lanhoso

Assembleia Connecting 1O Theatro Club da Póvoa de Lanhoso recebeu na tarde de 4 de fevereiro uma Assembleia do Connecting Classrooms, promovida pelo Agrupamento de Escolas da Póvoa de Lanhoso em colaboração com a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso.

 

A Vice-Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e Vereadora da Educação, Gabriela Fonseca, moderou esta sessão, que teve sobretudo jovens na plateia.

 

Durante este evento, as pessoas mais novas apresentaram diversas moções nas categorias de Energia, Água e Sensibilidade Ambiental. A sessão contou ainda com a participação do deputado António Braga (PS) e da deputada Francisca Almeida (PSD) ambos da Assembleia da República bem como do ex-deputado Ricardo Gonçalves.

 

Após a apresentação dos convidados e após a abertura de sessão pelo diretor do Agrupamento de Escolas da Póvoa de Lanhoso, José Ramos, seguiu-se a apresentação das diversas moções e propostas de medidas pelos alunos. Depois, os convidados fizeram uma apreciação das mesmas e colocaram questões ou problemas que consideraram pertinentes desencadeando o debate. No fim, os alunos presentes votaram as 14 moções apresentadas, saindo vencedoras na categoria de Energia, a moção nº4  (Como podemos ser cidadãos ambientalmente responsáveis?) da turma P19 (Curso Profissional de Técnico de Multimédia) apresentada por Miguel Sousa e Sofia Oliveira; na categoria de Água, a moção nº4 da turma P19 (Curso Profissional de Técnico de Multimédia) apresentada por Miguel Sousa e Sofia Oliveira; e na categoria de Sensibilidade Ambiental, a moção nº 12 (Indiferença relativa ao ambiente) do 12º, turma A, apresentada por Natália Correlo.

 

De acordo com a coordenadora do projeto, Teresa Lacerda, agora, estas moções irão representar o Agrupamento na sessão Plenária de Valadares, cuja escola Dr. Joaquim Gomes Ferreira Alves também se encontra envolvidos no projeto Connecting Classrooms Europa, que se iniciou no ano letivo de 2010/2011, que é liderado pelo British Council e, em Portugal, também pelo Ministério da Educação por intermédio da Direção Geral de Educação, contando com muitos outros parceiros institucionais.

 

Trata-se também de um projeto eTwinning em que Portugal tem como parceiros europeus escolas do Reino Unido, da República Checa e da Grécia, constituindo um grupo que se apelidou de ENA Cluster. No Norte de Portugal, o projeto envolve sete escolas: as Secundárias – Póvoa de Lanhoso, Carlos Amarante (Braga), Caldas das Taipas e Dr. Joaquim Gomes Ferreira Alves (Valadares) e as Escolas EB2,3 Mosteiro e Cávado (Braga), Paranhos (Porto) e Matosinhos.

 

Este projeto tem como principal objetivo a promoção da inclusão a diferentes níveis – sociais, económicos, culturais, ambientais –, mas esses objetivos terão de ser cumpridos através da voz ativa aos jovens. Neste contexto têm-se desenvolvido diversas atividades que têm incluído ações de voluntariado, de inclusão de minorias, anti bullying e de luta pela paz, de entre outras.

 

Neste terceiro e último ano de funcionamento, o Connecting Classrooms pretende deixar como legado a opinião dos jovens em diversas áreas como sejam as relativas ao voluntariado, às tecnologias de informação e à comunicação & segurança na Internet, ao ambiente e sustentabilidade, à mobilidade e multilinguismo, à inclusão, ao bullying e à Cidade: orçamento participativo. Cada escola debaterá um destes temas e as conclusões serão apresentadas no Plenário que decorrerá a 11 de março na Escola Secundária de Valadares. Ao Agrupamento de Escolas da Póvoa de Lanhoso coube o tema “Ambiente e Sustentabilidade”, que conduziu a que os alunos estivessem envolvidos na elaboração das moções a apresentar aos seus pares, professores e outras pessoas.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *