Educação, Lamego

Secretário de Estado do Ensino Básico inaugura novo Centro Escolar de Lamego Nº2

Centro_Escolar_N2_InauguracaoLAMEGO2013Primeiro chegaram os alunos, logo no início do ano letivo, e encontraram uma escola renovada com salas de aula dotadas de equipamentos modernos, espaços próprios para o ensino da música e da informática e para o ensino especial, uma nova cozinha e refeitório. Depois, veio a aprendizagem das primeiras letras, o contacto com a matemática e o fabuloso mundo das pequenas histórias. Nascido da ampliação e requalificação da anterior escola nº2, situada na rua do Desterro, o novo Centro Escolar de Lamego Nº2 já está a cumprir o fim para o qual foi concebido: ser uma escola modelo, adaptada às necessidades atuais do sistema educativo.

A “nova nº2” constitui a última etapa do processo de reorganização da rede escolar que a Câmara Municipal de Lamego concretizou com o objetivo de dotar de melhor qualidade o ensino pré-escolar e 1º ciclo do concelho. A este estabelecimento de ensino, juntou-se a entrada em funcionamento de três novas infraestruturas, construídas de raiz: o Centro Escolar de Lamego, erguido junto à Escola EB 2/3, o Centro Escolar de Lamego-Sul (freguesia de Penude) e o Centro Escolar de Lamego-Sudeste (freguesia de Ferreirim).

A ambição de servir as famílias do concelho de estabelecimentos de ensino ao nível do melhor que existe no país foi elogiada mais uma vez por Francisco Lopes e João Grancho, secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário e ilustre lamecense, durante a cerimónia pública de inauguração do Centro Escolar Nº2, ocorrida na manhã de 5 de janeiro. “A construção de quatro novos centros escolares foi uma prioridade absoluta desta autarquia. Deste modo, será mais eficaz o combate ao abandono e à exclusão escolar, bem como a oferta de refeições e de outros apoios sociais aos alunos”, explica o presidente da autarquia.

As novas condições de aprendizagem deixam satisfeitos os professores, pais e encarregados de educação dos 177 alunos do 1º ciclo e das 50 crianças do pré-escolar que ali passam a ter aulas e que durante o período em que decorreram as obras frequentaram, provisoriamente, a antiga escola nº1. Para além de terem sido renovadas as antigas salas de aula e as instalações sanitárias, esta intervenção acrescentou quatro novas salas, uma delas destinada ao pré-escolar e as restantes ao 1º ciclo. O projeto contemplou ainda a requalificação da envolvente exterior que integrou a criação de um parque infantil com uma horta pedagógica e a construção de um parque de estacionamento de apoio.

A autarquia adjudicou, por concurso público, a realização desta empreitada à firma Floponor – Florestas e Obras Públicas do Norte, S.A., pelo valor de 1.622.289,58€, mais IVA.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *