Amadora, Sociedade

Avenida e Praça Regimento de Comandos na Toponímia da Amadora

“Mama Sume” (Aqui estamos prontos para o sacrifício). Foi com este grito de comando que dezenas de atuais e antigos membros dos Comandos se congratularam com o descerramento da Placa Toponímica com o nome Avenida Regimento de Comandos, na freguesia da Venteira (junto ao ex-cinema Lido), que decorreu dia 18 de dezembro.

 

Nesta iniciativa, que contou com a presença do Secretário de Estado Adjunto e da Defesa Nacional, Paulo Braga Lino, estiveram ainda onze delegações da Associação de Comandos, de norte a sul do país.

 

A atribuição, pela Câmara Municipal da Amadora, da designação de Regimento de Comandos a uma avenida e a uma praça do Município, justifica-se pela celebração do 50.º aniversário do Regimento de Comandos e pelo reconhecimento da importância do Regimento de Comandos para a Amadora, cidade que foi durante vários anos o campo de formação desta tropa de elite.

 

No decurso da cerimónia, na Unidade de Apoio da Área Militar Amadora-Sintra, o Secretário de Estado Adjunto e da Defesa Nacional, Paulo Braga Lino salientou a importância desta ação, que valoriza a ligação do Regimento dos Comandos com os cidadãos e com a cidade da Amadora. “É a manifestação coletiva do apreço que o Município tem por esta unidade militar”, frisou o governante.

 

Joaquim Moreira Raposo, presidente da Câmara Municipal da Amadora, que minutos antes tinha recebido, em nome da Autarquia, a Medalha da Associação de Comandos pela mão do Presidente da Direção Nacional da Associação de Comandos, José Ângelo Lobo do Amaral, destacou o papel dos Comandos e de Jaime Neves no 25 de Novembro de 1975. Esta cerimónia “é um ato simbólico e uma homenagem a todos os Comandos que serviram com audácia Portugal”, enalteceu o edil.

 

José Ângelo Lobo do Amaral, dirigindo-se ao Presidente da Câmara Municipal da Amadora agradeceu-lhe “ter querido guardar a memória do nosso Regimento de Comados”. “Os Comandos não o esquecerão”, sublinhou.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *