Sociedade, Tecnologia, Vila Real de Santo António

Espaços Internet certificam competências na área das tecnologias da informação em Vila Real de Santo António

Os Espaços Internet de Monte Gordo e de Vila Nova de Cacela já se encontram acreditados como Centros Emissores de Diploma de Competências Básicas em Tecnologias da Informação, permitindo a todos os interessados certificar o seu conhecimento nesta área.

 

A medida, lançada pelos técnicos daqueles espaços, faz parte do Plano de Emprego de Vila Real de Santo António, criado pela autarquia, em julho, e constitui uma mais-valia curricular para os desempregados à procura de emprego.

 

A obtenção do Diploma de Competências Básicas em Tecnologias da Informação depende de aprovação num exame exclusivamente prático, com uma duração máxima de 60 minutos, que avalia o disposto na lei (D.L.140/2001 de 24 de Abril), não sendo sujeitos a avaliação quaisquer outros conhecimentos.

 

Entre outros requisitos, os candidatos deverão escrever, imprimir e guardar um texto; pesquisar informação na Internet e receber e enviar correio eletrónico. Em caso de aprovação, o diploma será emitido e entregue após a realização do exame.

 

No caso de o candidato necessitar de mais formação para a realização do exame, terá toda a colaboração dos técnicos afetos aos Espaços Internet de Monte Gordo e Vila Nova de Cacela, no âmbito das suas ações de formação periódicas.

 

Apesar de não constituir um sistema de creditação ou formação profissional, o certificado representa uma ferramenta de enriquecimento pessoal que visa uma eficaz integração na sociedade da informação e o combate à infoexclusão.

 

Os interessados em obter o certificado de competências podem consultar o site www.diploma.umic.pt ou requerer informação através dos emails eicacela@cm-vrsa ou eimgordo@cm-vrsa.pt.

 

 

Atualmente, cada um dos Espaços Internet está equipado com mais de uma dezena de computadores, tendo o projeto recebido milhares de utentes ao longo dos seus oito anos de atividade. Além de Cacela e Monte Gordo, os munícipes dispõem igualmente um ponto de acesso à internet na Biblioteca Municipal de VRSA.

 

 

 

Sobre o Plano de Emprego de VRSA

 

O Plano de Emprego de VRSA constitui uma estratégia pioneira de ação local, lançada em parceria com o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), que visa diminuir o número de desempregados no concelho.

 

Além de propor soluções com vista à implementação de políticas ativas de emprego e à criação de postos de trabalho, envolve todos os setores de atividade, partindo do princípio de que só uma intervenção de todos os operadores económicos do concelho pode contribuir para a redução do desemprego.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

1 comentário

  1. O Ze povinho tem que aeaptrr o cinto e acabar com tudo o que e9 desnecessario,e o estado mesmo em empresas que de3o centenas de milhf5es de euros de prejuizo ne3o as encerra.Qual e9 o custo de uma viagem de comboio de lagos a v. real santo antonio?O valor e9 tal que nem o revelam!Sabem quem e9 que paga o prejuizo dessa empresazinha?Sou eu que je1 quase que tenho que roubar para pagar as contas no fim do mes.A culpa da crise que vivemos e9 de certeza do estado,mas, o povo tambem tem culpa porque mesmo a passar fome acha bem que o estado derreta centenas de milhf5es em coisas que ne3o fazem absolutamente falta nenhuma.Eu ne3o gosto de passar fome,confesso..R.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *