Cultura, Nisa, Sociedade

Comemorações dos 500 anos do foral de Nisa

Decorrem em Nisa as comemorações dos 500 anos da concessão do Foral pelo rei D. Manuel I, em 15 de Novembro de 1512.

Os 500 anos da atribuição do Foral são assinalados nesta quinta-feira com uma exposição de trabalhos elaborados por alunos da Escola do 1º Ciclo de Nisa, que será inaugurada às 10 horas no Cine Teatro de Nisa, segue-se um passeio com os alunos por locais da vila com interesse arquitetónico e referenciados com o século XVI.

Às 20H30 inicia-se um “Desfilo da Corte para Entrega do Foral” que percorrerá algumas ruas ao som dos grupos Bombos de Nisa e Gaita-de-Foles. Junto á Torre das Portas de Montalvão atuará o grupo “Mantas Orelos” e haverá um magusto.

O Foral Manuelino de Nisa, à semelhança da generalidade dos forais alentejanos, foi concedido na segunda década de Quinhentos. A feitura do foral novo de Nisa obedeceu a um protótipo e esteve a cargo do calígrafo Fernando Pina, “que o fez escrever em onze folhas”, devidamente numeradas. O iluminista terá sido Francisco Peres, em cujos trabalhos figuravam primordialmente flores e folhas.

Os Novos Forais – Forais Manuelinos – tinham como objetivo demarcar os limites territoriais estabelecendo as relações económicas e sociais entre as entidades outorgadas e as outorgantes, definindo os tributos a pagar pelos primeiros e tinha acima de tudo um carácter fiscal. Eram discriminados os lugares no concelho e descriminadas as dívidas à coroa que eram pagas em géneros alimentícios ou dinheiros reais. Estes forais foram reunidos no chamado Livro dos Forais Novos.

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *