Cultura, Póvoa de Varzim, Sociedade

Prevenção e redução de riscos explicadas aos mais novos na Póvoa de Varzim

No âmbito do Dia Internacional para a Redução das Catástrofes (13 de outubro) realizou-se, na Biblioteca Municipal, uma iniciativa sobre as medidas de prevenção e redução de riscos, com enquadramento na realidade local.

A ação contou com a apresentação do livro digital “Nós e os Riscos” (1) por Eunice Silva, do Comando Distrital de Operações de Socorro – Porto, e com a abordagem d’”A problemática de cheias urbanas”, por Daniel Santos, Coordenador do Serviço Municipal de Proteção Civil. As inundações e respetiva prevenção, nomeadamente através da limpeza de sargetas e caixas de saneamento, as funções do serviço de proteção civil, em geral, desde o combate aos incêndios à vigilância das praias, foram alguns dos temas explicados por Daniel Santos, no contexto do nosso concelho.

Foram promovidas duas sessões, uma às 11h30 e outra às 12h25, na Sala de Leitura Infantil e Juvenil, participando em cada uma, duas turmas do 5º e 6º ano de escolaridade da Escola EB 2/3 Dr. Flávio Gonçalves.

 

(1) ANPC editou o livro digital Nós e os riscos, edição multimédia sobre riscos coletivos, concebida e produzida pelo CDOS da Guarda/ANPC, no âmbito do Projeto BIN SAL RIESGOS, do Programa Operacional de Cooperação Transfronteiriça Espanha–Portugal 2007-2013, e destinada aos alunos dos primeiros ciclos de escolaridade, (o qual) constitui uma abordagem atual, atraente e adequada aos fins que se propõe: contribuir para o conhecimento dos riscos coletivos e medidas para minimizar efeitos e consequências.

Para além dos riscos naturais e tecnológicos, e respetivas medidas de prevenção e autoproteção, são também abordadas a prevenção rodoviária e segurança pessoal. Este livro digital inclui diversas funcionalidades: hiperligações úteis, animações gráficas, vídeo, diaporamas, jogos de observação e concentração e questionários interativos – constituindo uma excelente ferramenta de trabalho no âmbito não só da educação para o risco mas também de promoção de cultura de segurança.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *