Cultura, Santo Tirso, Sociedade

Nave Cultural da Fábrica de Santo Thyrso já está concluída

A Nave Cultural da Fábrica de Santo Thyrso já está concluída e resulta de um investimento municipal de 2,2 milhões de euros. A antiga fábrica têxtil está  a ser revitalizada, assumindo-se como um Quarteirão Cultural, que arrancará com o Seminário Internacional a realizar-se de 25 a 27 de outubro. Com o investimento efetuado nesta aposta urbana, fomenta-se o emprego combatendo o maior flagelo da região do Vale do Ave: o desemprego.

 

A Câmara Municipal de Santo Tirso tem liderado um processo de regeneração, aproveitando os instrumentos de política urbana, disponíveis para a concretização de alguns projetos estruturantes e indutores de transformação e qualificação territorial. O Seminário Internacional «Quarteirões Culturais Experiências e Desafios» inscreve-se no quadro desta estratégia municipal que associa a operação de regeneração urbana na cidade de Santo Tirso – Revitalização e Qualificação das Frentes Ribeirinhas do rio Ave – à reabilitação da Fábrica de Santo Thyrso, antiga fábrica têxtil, assumindo-a como um Quarteirão Cultural.

 

Esta iniciativa – Seminário Internacional sobre Quarteirões Culturais – que integra o lançamento da incubadora de negócios criativos, Incubadora de Moda e Design, será o primeiro ato público deste projeto e irá realizar-se na Nave Cultural. O Programa deste Seminário é diversificado, incluindo a realização de conferências (com oradores nacionais e internacionais), apresentações e discussão de estudos de caso internacionais, workshops temáticos e visitas de estudo. Este evento é enriquecido ainda com outras iniciativas, tais como, exposições, desfile de moda e “after party”, destinadas a um público mais alargado, reforçando a atividade cultural da cidade.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *