Guimarães, Sociedade

Seminário “Reabilitação Energética de Edifícios” em Guimarães

O aumento exponencial dos custos da energia e o elevado valor da fatura energética que os cidadãos têm que pagar, faz com que todas as questões relacionadas com a energia e a eficiência energética ganhem uma importância cada vez maior para toda a sociedade.

 

O elevado peso relativo do consumo de energia dos edifícios existentes no consumo energético global no sector dos edifícios, adquire assim um papel cada vez mais relevante.

 

Em Portugal existem 2 560 911 de edifícios construídos antes de 1990 (ano da publicação do 1º regulamento relativo ao comportamento térmico dos edifícios), representando 76.6% do total de edifícios existentes. Devido à falta de exigências e preocupações térmicas, estes apresentam-se como altamente consumidores de energia quando se pretende que eles proporcionem condições de conforto mínimas. Existem previsões de que os edifícios construídos em Portugal até 1990 contribuirão em 2050 com mais de 80% dos consumos neste sector, se neles não forem feitas quaisquer intervenções de reabilitação energética.

 

No âmbito do Projeto de Investigação “Reabilitação Energética em Edifícios”, financiado pela FCT no âmbito do programa COMPETE, e liderado pela Universidade do Minho sob a coordenação da Prof.ª Doutora Manuela Almeida, foram estudadas diversas soluções tecnológicas que permitem uma reabilitação energética eficaz de edifícios e cuja divulgação vai permitir que não só os especialistas mas também o público em geral tenham acesso a informação potencialmente relevante para a vida e a economia de toda a sociedade.

 

Assim, no dia 28 de Setembro, 6ª feira, a partir das 9h00 na Universidade do Minho, em Guimarães, irá ter lugar o Seminário “Reabilitação Energética de Edifícios”, onde serão divulgados e discutidos os resultados do referido Projeto de Investigação.

 

Este Seminário contará com a presença de vários especialistas nacionais em áreas diretamente relacionadas com a reabilitação e a melhoria da eficiência energética assim como com a sustentabilidade de edifícios, contando ainda com o apoio da Associação iiSBE Portugal, da Câmara Municipal de Guimarães e da AUMEA – Agência da Universidade do Minho para a Energia e o Ambiente.

 

PROGRAMA

09:00 – 09:30 – Registo e distribuição da documentação pelos participantes

09:30 – 10:00 – Sessão de Abertura

10:00 – 10:20 – Reabilitação Energética em Edifícios Manuela Almeida

10:20 – 10:40 – Enquadramento Energético do Sector Residencial Português Sandra Silva, M. Almeida,

J. Sousa

10:40 – 11:00 – Módulo de Reabilitação Prefabricado Pedro Silva, M. Almeida, L. Bragança, V. Mesquita

11:00 – 11:30 – Coffee Break

11:30 – 11:50 – Princípios de racionalização energética na arquitetura vernacular J. Fernandes, R. Mateus

11:50 – 12:10 – Reabilitação de edifícios de habitação – Desempenhos energético e de sustentabilidade

João Carlos Bezerra, L. Bragança

12:10 – 12:30 – Reabilitação sustentável de edifícios de habitação – Análise de Custos e Benefícios

   Fernando Moura, L. Bragança

12:30 – 13:00 – Debate

13:00 – 14:30 – Almoço

14:30 – 15:00 – Reabilitação Integrada de Edifícios Pedro Silva, M. Almeida, L. Bragança, V. Mesquita

15:00 – 15:20 – Novo método para análise económica e energética de edifícios Catarina Araújo, M. Almeida,

L. Bragança

15:20 – 15:40 – Reabilitação sustentável de edifícios de serviços José Amarilio Barbosa, L. Bragança

15:40 – 16:00 – Contribuição de argamassas com PCM para a reabilitação energética Sandra Cunha,

J. Aguiar, V. Ferreira, A. Tadeu

16:00 – 16:20 – Introdução de Medidas Sustentáveis na Reabilitação de Edifícios Públicos Classificados

Joaquim Carvalho, Filipe Vilas Boas, Seara de Sá

16:20 – 16:50 – Coffee Break

16:50 – 17:20 – Debate

17:20 – 17:50 – Sessão de Encerramento

 

INSCRIÇÕES

A inscrição no seminário é gratuita.

Para se inscrever basta preencher o formulário de inscrição e enviar para: [email protected].

Por favor siga a seguinte hiperligação para descarregar o Formulário de Inscrição.

 

O Seminário vai decorrer no Auditório B1.10 das instalações da Universidade do Minho, em Guimarães.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *