Cultura, Estarreja

“A melhor caixa do Rio” no FESTARREJA – Estarreja

Mestre Serrinha, diretor de bateria da Unidos da Tijuca, escola de samba campeã do Carnaval do Rio de Janeiro, vai orientar, ao lado do percussionista alemão Chris Quade Couto, o workshop de Samba Batucada marcado para dia 22, sábado, no novo Multiusos de Estarreja, entre as 14h e as 19h, e aberto a todos os interessados em ritmo e percussão. Esta é uma das iniciativas do FESTARREJA – Festa das Artes e da Juventude, que vai decorrer entre 22 e 30 de setembro.

 

Ricardo Cruz, mais conhecido como Serrinha Raiz, faz parte da elite dos sambistas do carnaval do Rio de Janeiro e é considerado por muitos “a melhor caixa do Rio”. Mestre Serrinha é atualmente diretor de bateria da grande campeã do carnaval do Rio, Unidos da Tijuca, e da escola mais antiga do Rio de Janeiro, Estácio de Sá, onde nasceu e foi criado.

 

Tem o seu próprio bloco no carnaval do Rio e é ainda diretor de escolas em vários estados do Brasil e Argentina. Integra também o grupo Batuque Digital que remistura ao vivo hits de house music com bateria de samba. Participa como organizador do evento CRIOLICE no Rio de Janeiro, ponto de encontro de grandes sambistas como Arlindo Cruz, Wilson Moreira e outros, sendo também integrante do grupo OPAXORÔ, principal atração do evento.

 

Chris Quade Couto nasceu em Colónia na Alemanha. Começou a estudar música em criança e especializou-se em percussão brasileira. Estudou percussão afro-brasileira com Dudu Tucci e afro-cubana com Ravin “Raz” Jayasuriya. É diretor do Bloco X, do bloco Suco Legal e membro do grupo Muamba. Desde 2004 que é integrante da bateria da Unidos da Tijuca, onde toca tamborim.

 

Ao longo dos anos, os dois percussionistas desenvolveram um método especial para orientarem workshops juntos onde abordam as técnicas dos vários instrumentos, afinação e manutenção dos instrumentos, bem como breaks e convenções do samba carioca. Serrinha ensina especialmente as caixas e surdos, enquanto Chris cuida dos repiques, tamborins e chocalhos. Nos últimos anos deram dezenas de workshops por toda a Europa e América Latina. Chegou a vez de Portugal.

 

Os participantes têm que trazer o seu instrumento, cinto e baquetas. Não há número limite de participantes.

 

 

FESTARREJA 2012 – programa

 

Este ano na sua 10ª edição, o FESTARREJA será particularmente um espaço de formação com a realização de diversos workshops. A fotografia pela objetiva do aveirense Miguel Estima e a arte de fazer cinema com realização do Cine-Clube de Avanca são outras propostas com inscrições gratuitas. Os entusiastas dos astros e planetas podem frequentar o curso “O ABC do Céu no BioRia”, orientado pelo astrónomo estarrejense José Augusto Matos, com um valor de inscrição de 30 €.

A natureza associa-se à festa da juventude em mais dois momentos. No dia 23, a BioMaratona Rota dos Esteiros, que o Desportivo Trepa de Estarreja organiza pela quinta vez, volta a mobilizar centenas de atletas em competição na zona natural do Município, com chegada e partida no Parque do Antuã. Os amantes dos desportos aquáticos podem optar por um passeio em kayak pelos canais da Ria de Aveiro, em Salreu, no dia 29. Para os mais radicais, a prova de paintball promete emoções mais fortes.

 

O 10º Festival de Samba de Estarreja, da organização da Associação Vai Quem Quer, vai agitar a noite de 22 de setembro, no Multiusos, no Parque Municipal do Antuã. O mesmo palco recebe no sábado seguinte, dia 29, os concertos de Phama e Cooldrive, seguidos da atuação do DJ estarrejense Rui Melo e MC Xénia.

 

No último dia do festival, a 30, o Parque do Antuã recebe a Feira de Artesanato Urbano, dinamizada por jovens estarrejenses, e animação com insufláveis e show acrobático aéreo.

 

Festarreja no Facebook

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *