Arouca, Sociedade

Feira das Colheitas 2012 em Arouca

É tempo de colheita. Apesar dos tempos difíceis, a semente foi lançada à terra, a terra foi amanhada e a planta cuidada. Voltamos a fazer a festa à mesa, saboreando a gastronomia típica da região, com as iguarias da raça arouquesa e a doçaria conventual. À rua, voltam as exposições, os concertos, as feiras, o folclore e a etnografia, e ainda a boa disposição de todos os arouquenses, que acolhem com alegria quem nos visita, de 27 a 30 de setembro, para a 68.ª edição da Feira das Colheitas.

 

 

 

PROGRAMA

 

DIA 27 – Quinta-feira

 

09:30 | Concurso Pecuário da Raça Arouquesa (Org. Cooperativa Agrícola de Arouca e Câmara Municipal de Arouca)

Espaço Anexo à Rotunda do Agricultor

 

A partir das 16 horas, abertura:

– Feira das Actividades Tradicionais (Artesanato) – Avenida 25 de Abril

– Feira dos Produtos Regionais – Avenida 25 de Abril

– Feira do Artesanato Internacional – Rua do Mercado

– Tasquinhas – Parque Municipal

– Feira dos Produtos do Campo – Frente ao Parque Municipal

– Exposição de Pintura “ Cores de Arouca “ de Madina Zigánshina – Biblioteca Municipal

– Exposição Etnográfica “ Linho: Do Lar ao Trajar” – Museu Municipal

– Exposição de Máquinas Agrícolas – Parque Anexo ao Museu Municipal

– Vivências Agrícolas – Cerca do Mosteiro de Arouca

– Exposição de Gado – Cerca do Mosteiro de Arouca

– Espaço Animação/Bar – Terreiro Santa Mafalda

 

16:30 | Desfile de Gado

Ruas da Vila

 

22:00 | Concerto: TOY

Praça Brandão de Vasconcelos (Palco 1)

 

23:30 | Colheitas Fora de Horas

STAND UP  Miguel Sete Estacas

DJ BIRD

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)

 

 

 

DIA 28 – Sexta-feira

 

12:30 | Almoço-Convívio entre os Sócios da Cooperativa Agrícola de Arouca, com Distribuição dos Prémios dos Diversos  Concursos (Org. Cooperativa Agrícola de Arouca)

Restaurante local

 

15:00 | Concurso da Broa “A Melhor Broa Caseira 2012”

Pátio do Mosteiro de Arouca

 

17:00 | Abertura da Feira das Velharias

Alameda D. Domingos de Pinho Brandão

18:00 | Concurso/Prova do Vinho Verde de Arouca

Pátio do Mosteiro de Arouca

 

21:30 | Baile à Moda Antiga com os “FINFAS DE NESPEREIRA”

Praça Brandão de Vasconcelos (Palco 1)

 

21:30 | Encontro de Concertinas

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)

 

23:00 | CANTARES AO DESAFIO – com o Duo Adília e Domingos da Soalheira

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)

 

00:00 | Colheitas Fora de Horas

DIXIE BOYS

DJ FERNANDO ALVIM e DJ BIRD

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)

 

 

 

DIA 29 – Sábado

 

08:00 | Feira Tradicional

Espaço da Feira Quinzenal

 

14:30 | Passeio Colheitas BTT 2012 – (Org.: BTT AROUCA)

Local de Concentração: Praceta das Laranjeiras

 

15:00 | Concerto pelas Bandas Musicais de Arouca e de Figueiredo

Praça Brandão de Vasconcelos (Palco 1)

 

16:30 | Chega de Bois (Org. Cooperativa Agrícola de Arouca e Câmara Municipal de Arouca)

Espaço Anexo à Rotunda do Agricultor

 

21:30 | Concerto pelas Bandas Musicais de Arouca e de Alvarenga

Praça Brandão de Vasconcelos (Palco 1)

 

22:00 | Desfolhada, seguida de Baile à Moda Antiga

Cerca do Mosteiro de Arouca

 

22:00 | Espetáculo de Rua pelo Teatro Experimental de Arouca

Parque Municipal

 

00:00 | Espetáculo Piromusical

Junto ao Edifício dos Paços do Concelho

 

CONCERTOS
22:30 | CONCERTO: FLY

00:30 | CONCERTO: EXPENSIVE SOUL

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)
Entrada: 3,5 euros (adulto)/ 1 euro (crianças dos 6 aos 12 anos)

À VENDA: BIBLIOTECA MUNICIPAL E POSTO DE TURISMO (até dia 28 set)

NO SECRETARIADO DA FEIRA E NA BILHETEIRA DO RECINTO (no próprio dia)

 

 

02:30 | Colheitas Fora de Horas

DJ TUTUGURI e DJ THE PUMPKINS

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)

 

 

DIA 30  – Domingo

 

 

11:15 | Missa (Org. Cooperativa Agrícola de Arouca)

Igreja do Mosteiro de Arouca

 

15:00 | Desfile Etnográfico com Carros de Bois e Cortejo de Açafates

Ruas Centrais da Vila

 

15:30 | Atuação de Ranchos Folclóricos:

– Provisende

– As Lavradeiras de Canelas

– Infantil da A.C.R. de Mansores

– As Lavradeiras de Mosteiro

– Casa do Povo de Alvarenga

Praça Brandão de Vasconcelos (Palco 1)

 

21:30 – Atuação de Ranchos Folclóricos:

– Etnográfico de Moldes

– Lourosa de Matos

– Fermêdo e Mato

– Infantil da Casa do povo de Arouca

– Casa do povo de Arouca

Praça Brandão de Vasconcelos (Palco 1)

 

23:00 | Colheitas Fora de Horas

OUT RUN

Terreiro Santa Mafalda (Palco 2)

 

00:00 | Sessão de Fogo-de-Artifício

Junto ao Edifício dos Paços do Concelho
Nota: Por motivos imprevistos, este programa poderá sofrer alterações.

 

 

 

HORÁRIOS DAS EXPOSIÇÕES E FEIRAS

 

 

Feira de Artesanato, Produtos Regionais, Produtos do Campo

Quinta-feira – das 16h às 24h

Sexta-feira – das 17h às 24h

Sábado e Domingo – 10h às 24h

 

 

Tasquinhas

Quinta-feira – das 16h às 01h

Sexta-feira – das 12h às 01h

Sábado – das 12h às 2h30

Domingo – das 12h às 01h

 

 

Exposição de Desenhos, Exposição Etnográfica e “Vivências”

Quinta-feira – das 16h às 24h

Sexta-feira, Sábado e Domingo – das 10h às 24h

 

 

Feira das Velharias

Sexta-feira – das 17h às 24h

Sábado e Domingo – das 10h às 24h

 

 

Espaço Animação/Bar

Quinta-feira – das 16h às 2h

Sexta-feira e Sábado – das 14h às 4h

Domingo – das 14h às 2h

 

 

Feira das Colheitas 2012 | MENSAGEM

 

Arouca vai voltar a comemorar, num espaço urbano entretanto renovado, a colheita. A Feira das Colheitas, este ano na sua 68.ª edição, é a festa que marca a vida de um concelho habituado a semear, a cuidar e a colher, com o seu esforço e dedicação. Hoje, como no tempo em que foi criada, no decurso da II Guerra Mundial, voltamos a viver este tempo de festa sob a nuvem da crise. Contudo, estou certo de que, tal como nessa altura, as gentes de Arouca estarão à altura do desafio, e iremos todos conseguir superar as dificuldades, tal como outrora voltámos a deixar os campos verdejantes e coloridos com a fruta dos pomares, e dando nova vida aos usos e costumes da nossa gente.

 

Temos bons exemplos de que somos capazes disso, e eles estarão por aí, nas ruas, nas feiras, nas exposições, no pulsar diário destes dias de festa, em que todos saímos à rua, convivemos, dançamos, afirmamos o que somos. Encontraremos o espírito empreendedor na vitalidade da nossa indústria, no reinventar do artesanato, na potencialização dos nossos produtos tradicionais, na afirmação de Arouca enquanto destino turístico. É isto que nos caracteriza, e é isto que faz de nós um geopark de referência nas redes europeia e global da UNESCO. Porque nunca desistimos de lutar pelos nossos objetivos, porque preservamos a memória do nosso povo, as tradições, a etnografia, a vida ligada à terra e à montanha. E é isso que levamos para o futuro, para uma Arouca melhor.

 

Talvez o programa não tenha o fulgor de outros anos, fruto das condicionantes que todos conhecemos. Mas a dignidade do certame mantém-se intacta, em muito graças ao enorme esforço dos trabalhadores desta casa, a quem agradeço. Foi um esforço significativo, porque Arouca teve também a honra de acolher, este ano e muito próximo da Feira das Colheitas, a reunião magna das redes internacionais de geoparks, com a presença de gente vinda de todo o mundo. Aqui, sentiram o pulsar de uma terra, de um geopark vivo, onde as pessoas contam, de que todos fazem parte, um território onde tudo acontece.

 

De todo o modo, é graças a si, arouquense ou visitante, que a Feira das Colheitas é possível. É para si que as nossas portas se abrem. Convidamos todos a deliciarem-se com as nossas iguarias gastronómicas, a deliciosa carne arouquesa, a divinal doçaria, os nossos produtos do campo. Saboreie Arouca. Como sempre, queremos que regresse a Arouca. A si em especial, damos as boas vindas, de braços bem abertos.

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *