Desporto

Longa Fuga para a Vitória

Depois de uma aventura com cerca de 180 quilómetros, o sul-africano Jay Thomson (UnitedHealthcare) venceu isolado na chegada a Oliveira do Hospital no final da primeira etapa em linha da 74ª Volta a Portugal Liberty Seguros. O triunfo do corredor, que está a correr pela primeira vez em Portugal, resultou na mudança de camisola amarela e aconteceu após uma fuga bem-sucedida.

 

Após a partida nas Termas de Monfortinho, a corrida foi agitada por várias tentativas de fuga. Ao quilómetro 24 dois homens assumiram o protagonismo quando Luis Mas (Burgos BH/ Castilla e Leon) e Jay Thomson (United Healthcare), conseguiram finalmente isolar-se na dianteira.

 

Com uma longa jornada pela frente, ou não estivéssemos perante a tirada mais longa da competição deste ano com 200,8 quilómetros, o pelotão permitiu que o espanhol e o sul-africano atingissem a vantagem máxima de 15 minutos. O bom entendimento permitiu que a fuga durasse 150 quilómetros. Na subida para o Prémio de Montanha de 2ª Categoria em Santa Ovaia, a 27 quilómetros da meta, Luis Mas não conseguiu acompanhar o ritmo e acabou por abdicar perdendo contacto com o companheiro de fuga. Perante as mesmas dificuldades, o pelotão também ficou fraccionado na subida. O camisola amarela à partida para esta etapa, Reinardt Van Rensburg (MTN Kubeka), começava a sentir que dificilmente poderia manter a liderança porque perdia cada vez mais terreno para o grupo onde seguiam os principais candidatos ao triunfo.

 

Desse conjunto, após a montanha, destacou-se Hugo Sabido (LA Alumínios/Antarte) que depois do apoio dos companheiros de equipa partiu em busca do sul-africano que se mantinha no comando da corrida. Sabido tinha partido em igualdade de tempo com o líder e desejava aproveitar os segundos de bonificação da última meta volante em Lagares da Beira para ter vantagem numa hipotética chegada em pelotão compacto. Parte desse desejo materializou-se quando ganhou um segundo de bonificação e como manteve sempre a pedalada forte ia ganhando cada vez mais tempo ao fugitivo. Jay Thompson conseguiu levar a aventura até ao fim e na linha de meta terminou com 40 segundos de vantagem sobre Hugo Sabido. O terceiro classificado foi outro homem da LA Alumínios/Antarte que concluiu a tirada a pouco mais de um minuto do vencedor.

 

Com estes resultados a camisola amarela transferiu-se para o corredor de 26 anos, natural de Pretória que alinha pela equipa norte americana UnitedHealthcare. “Antes da etapa já sabíamos que a penúltima subida era muito difícil, mas se houvesse uma fuga e eu estivesse integrado nela, talvez conseguisse resistir na frente. Felizmente, tivemos ainda mais sorte porque o pelotão permitiu que ganhássemos uma grande vantagem. Na última subida tive de aplicar todas as minhas capacidades para atingir a vitória“, declarou Jay Thompson. Sabido mantém a segunda posição da 74ª Volta a Portugal Liberty Seguros, agora com uma diferença de 35 segundos, e o companheiro, Edgar Pinto, passou a ocupar o terceiro lugar a 1’10.

 

Trofa estreia-se a receber um final de etapa na Volta!

Depois das exigências iniciais da etapa mais longa que teve ao todo cinco contagens de montanha e foi realizada sob muito calor, esta sexta-feira, terceiro dia de corrida contando com o Prólogo, o pelotão volta a percorrer uma longa distância. A segunda etapa sairá de Oliveira do Bairro em direcção à Trofa, uma das estreias absolutas deste ano a receber um final de etapa. O percurso passará em concelhos importantes para o ciclismo nacional como Santa Maria da Feira, Paredes, Valongo e Santo Tirso.

 

2ª Etapa – 17 Agosto 2012 – 191,5Km

Partida: 12h35 – Oliveira do Bairro

Chegada: 17h25 (horário previsto) – Trofa

 

A 74ª da Volta a Portugal Liberty Seguros tem o apoio das câmaras municipais de Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Oliveira do Hospital, Oliveira do Bairro, Trofa, Vila Nova de Cerveira, Fafe, Viana do Castelo, Mondim de Basto, Armamar, Oliveira de Azeméis, Aveiro, Viseu, Gouveia, Sabugal, Guarda, Seia, Leiria, Sintra e Lisboa.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *