Castro Verde, Desporto, Sociedade

“Menos peso, Mais saúde”: 388 kg perdidos em oito meses – Castro Verde

388 kg. Foi o número total de peso perdido pelos 227 alunos do projeto de desporto sénior, promovido pelo programa Atividade Com’Vida da Câmara Municipal de Castro Verde que, de 31 de Outubro de 2011 a junho de 2012, participaram no “Menos peso, mais saúde”, um complemento destas aulas, que foi idealizado e implementado como forma de aliar a atividade física à alimentação saudável.

Durante estes oito meses, as turmas de Castro Verde, Entradas, Estação de Ourique, Aivados, Neves da Graça, Sete, A-do-Corvo, S. Marcos da Atabueira, Sta. Bárbara de Padrões, Beringelinho, Almeirim, Casével, Piçarras, Viseus, e a turma do projeto “No ritmo certo” integraram esta nova valência do desporto sénior, que consistiu num acompanhamento mensal da dietista do município e dos professores de desporto, com o intuito de melhorar a saúde geral dos participantes do projeto de desporto sénior, tornando-os mais ativos e conscientes, para que tenham uma maior e melhor qualidade de vida.

Mensalmente foi efetuada uma avaliação do IMC (Índice de Massa Corporal) e composição corporal dos participantes, acompanhada de uma intervenção da dietista da autarquia com vista à avaliação nutricional do grupo e aconselhamento, através de um plano alimentar geral adaptado.
Para além deste acompanhamento foram ainda realizadas exposições orais, entregues folhetos informativos, feitas experiências e realizadas conversas sobre alimentação, que sensibilizaram a população para a problemática dos maus hábitos alimentares e sedentarismo, e alertaram para as consequências negativas que daí advêm.

Com este complemento aliado ao projeto de desporto sénior, foi conseguida uma diminuição da obesidade e um aumento do peso saudável. Num universo de 227 alunos, foram perdidos 388 kg, e o número de indivíduos obesos diminuiu de 83 para 68. A percentagem de excesso de peso aumentou devido ao facto de os indivíduos, cujo estado nutricional inicial era obesidade tipo I, baixarem o seu IMC, contribuindo assim para o aumento da percentagem de excesso de peso, o que neste caso é um fator positivo.
Números que revelam um objetivo superado e positivo e que demonstram o sucesso da iniciativa. 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *