Reguengos de Monsaraz, Sociedade

Estação de Transferência de Reguengos de Monsaraz apta a receber resíduos de construção e demolição

A Estação de Transferência de Reguengos de Monsaraz já está apta a receber resíduos de construção e demolição, servindo principalmente os pequenos “produtores” deste tipo de resíduos. O limite de resíduos diários que cada “produtor” pode entregar neste ecocentro é de uma tonelada.

 

O Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Construção e Demolição foi criado pela GESAMB e está em funcionamento nos ecocentros de Reguengos de Monsaraz, Borba, Montemor-o-Novo, Estremoz, Vendas Novas e Mora. Este sistema destina-se às obras realizadas pelas empresas de construção civil e por particulares.

 

O pedido de autorização para depositar os resíduos deve ser entregue na GESAMB. A autarquia emite a declaração no caso das obras particulares isentas de licença e não submetidas a comunicação prévia. Desta forma pretende-se evitar os pequenos focos de deposição deste tipo de resíduos que ainda aparecem no concelho.

 

Os resíduos de construção e demolição, também denominados de entulhos, são compostos na sua maioria por materiais inertes e outras pequenas quantidades de resíduos não inertes. A separação dos vários tipos de resíduos deve ser realizada desde o início da obra. No caso em que não seja possível a separação em obra, poderá optar-se pela entrega de resíduos sob a forma de mistura, que terá uma tarifa de receção mais alta.

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *