Oliveira de Azeméis, Sociedade

Rede Social de Oliveira de Azeméis apresenta o novo observatório social

A Rede Social marca 10 anos de participação ativa em Oliveira de Azeméis.
As comemorações da efeméride tiveram lugar na biblioteca municipal Ferreira de Castro com uma sessão plenária do Conselho Local de Ação Social (CLASOA).
A apresentação do logotipo da Rede, um painel temático sobre «A Rede Social em análise: o seu papel no desenvolvimento do país e do município» e a apresentação do observatório social assinalaram este dia.
«A Rede Social está de parabéns», afirmou a vereadora responsável pela ação social e presidente do CLASOA.
Segundo Gracinda Leal, «a Rede nunca perdeu de vista a ideia de que a responsabilidade no combate à pobreza e inclusão social é da sociedade e não só de algumas entidades».
«Porque a rede se faz de pessoas e para as pessoas aproveito para agradecer a congregação de esforços e dedicação por parte de técnicos e dos oliveirenses no desenvolvimento de um conjunto de projetos», acrescentou.
Num cenário socioeconómico em permanente mudança e com crescentes necessidades e desafios ao nível da intervenção social, a implementação de um observatório concelhio «vem consolidar a aposta da autarquia na criação de um instrumento de sistematização de informação de âmbito local».
«O Observatório Social surge como uma mais-valia na interpretação das problemáticas de cariz social ao constituir-se, essencialmente, como um instrumento de observação, análise e produção de resultados», declarou a vereadora.
O novo documento pode ser consultado online em http://www.cm-oaz.pt/acao_social.352/rede_social.560/observatorio_social_do_concelho_de_oliveira_de_azemeis.a2490.html permitindo «qualificar e sensibilizar a comunidade local, entidades públicas e privadas para uma abordagem inovadora da intervenção social», esclareceu.
As comemorações dos 10 anos da Rede Social vão prolongar-se a 22 de setembro com o «Sábado em Rede», uma caminhada pela solidariedade.
À noite o cine-teatro Caracas enche-se com o sarau de solidariedade e a inauguração da exposição «Parabéns à Rede… 10º Aniversário».
Já a 17 de outubro, a biblioteca municipal acolhe a XLVI sessão plenária do CLASOA, uma reunião aberta à comunidade sobre o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza, onde será entregue o prémio Dr.ª Leonilda Aurora da Silva Matos de boas práticas de intervenção social e será lançada a revista «Nós em rede… 10 anos».

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *