Gondomar, Sociedade

Escola Nacional de Bombeiros em acção de formação em Gondomar

Realizou-se, no dia 12 de junho, num campo agrícola (da freguesia de Jovim), uma das duas ações de formação sobre a “Floresta Segura”. Estas ações, destinadas primordialmente à população rural, visavam prestar informações preventivas sobre as temáticas dos fogos florestais (durante o período crítico de verão). A formação, que foi promovida pela Escola Nacional de Bombeiros, foi integrada na “Semana Municipal do Uso do Fogo”.

A ação de formação do passado dia 12 de junho foi ministrada pela Guarda Nacional Republicana (GNR), Sapadores Florestais e Escola Nacional de Bombeiros. A GNR abordou a legislação específica do uso do fogo (com os períodos e materiais que podem ser queimados a céu aberto), enquanto que os Sapadores Florestais fizeram uma demonstração de técnicas de manuseamento de máquinas (para o corte e desramação dos matos). Depois, mais tarde, a Escola Nacional de Bombeiros divulgou alguns pormenores sobre o “comportamento” do fogo, assim como os cuidados obrigatórios a ter na execução de queimas e fogueiras. A título exemplificativo – e porque esta ação de formação não se queria restringir a uma vertente teórica – foi efetuada uma apresentação prática dos uso das máquinas e executada uma queima de sobrantes agrícolas.

Participaram, na ação de formação, mais de três dezenas de agricultores, o Presidente da Junta de Freguesia de Jovim, elementos do Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal, os Bombeiros Voluntários de Gondomar, a Escola Nacional de Bombeiros e a “Portucel/Soporcel”.

O programa “Floresta Segura” consiste na realização de 20 sessões de formação levadas a cabo pela Escola Nacional de Bombeiros em nove concelhos: Gondomar, Valongo, Paredes, Vila Nova de Poiares, Lousã, Góis, Mafra, Alenquer e Torres Vedras. Prevê-se a sua conclusão em novembro.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *