Cultura, Torres Vedras

Teatro-Cine de Torres Vedras acolhe espetáculo inspirado na obra de Gil Vicente

O Teatro-Cine de Torres Vedras vai ser palco no próximo dia 16 de junho, pelas 21h30, do espetáculo “ As Barcas”, o qual é inspirado na obra de Gil Vicente.

Segundo refere o encenador deste teatro, João Garcia Miguel, a propósito do mesmo “em busca de um corpo sensível, de um corpo perdido nos labirintos do tempo e dos sentidos, regresso ao tema das viagens em As Barcas, inspirado num conjunto de textos de Gil Vicente, figura marcante do teatro medieval português. Chamei para companheiros de viagem, parceiros criativos, que pelas suas características particulares, abracem várias formas de expressão, capazes de manifestar uma heterogeneidade de sensibilidades, cada um possuidor de múltiplas visões, tendo olhos na pele.

O desfoque performativo a dar ao texto do dramaturgo português, terá como instrumentos ativos a exploração: do movimento, da performance, a criação de linguagens, buscando no texto o que nele existe enquanto corpo, esqueleto, músculo, sensibilidade escondida por debaixo das palavras, enquanto alegoria do olhar sobre um mundo comum, a partir da perspetiva de uma morte simbólica, que funciona como um cais de partida para a vida.

O contexto desta obra é a impossibilidade de construção contemporânea de um mundo comum, seja em termos das realidades singulares, seja a partir de uma realidade portuguesa e ou europeia. A viagem parte desse território do impossível real onde os nomes das coisas existem rumando em busca de um território onde o sim, a palavra de Deus, e o não, a palavra do Diabo, se confundem num corpo que se destrói e constrói. Corpo que é caminho, cruzamento, nervo, suspensão, impermanência, impertinência.”

O preço do bilhete para se assistir a este espetáculo da Companhia João Garcia Miguel no Teatro-Cine de Torres Vedras é de 5 euros.

 

 

Ficha Técnica

Direção e Dramaturgia: João Garcia Miguel
Atores: Félix Lozano, Sara Ribeiro, David Pereira Bastos e Joana Levi
Música e Vídeo: Rui Gato
Figurinos: Steve Denton
Programação Interativa Audiovisual: André Sier
Desenho de Luz e Direção Técnica: Luís Bombico
Direção de Produção: Filipa Hora
Apoio à Dramaturgia: Teresa Fradique
Apoio ao Espaço Cénico: Mantos
Fotografias: Rui Mateus
Assistência à Direção: João Samões
Produção Executiva: Cláudia Figueiredo
Apoio Gráfico: Red Bear

Produção JGM, Guimarães Capital da Cultura | Festival Gil Vicente
Coprodutores| Islote En Red, Rui Vila Produções

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *