Sociedade, Vizela

Termas de Vizela reabrem em Junho

“Aproveito esta oportunidade para agradecer publicamente ao Dr. Tomás Ares por ter acreditado no nosso projeto e por fazer dele o seu próximo projeto de vida. Está, por isso, agora nas suas mãos o sonho dos Vizelenses: a reabertura do balneário termal. Tenho a certeza que vai gostar de estar em Vizela, de trabalhar com e para Vizela.”

Foram estas as palavras do Presidente da Câmara Municipal de Vizela, proferidas no dia 29 de maio na assinatura do contrato de Cessão de Exploração do Balneário Termal de Vizela à empresa espanhola Tesal.

A assinatura realizou-se em conferência de imprensa no edifício das Termas de Vizela e contou com a presença do Presidente da Autarquia Vizelense, Dinis Costa, do Vereador Victor Hugo Salgado e do administrador da Tesal, Tomas Ares.

O administrador da Tesal comprometeu-se a abrir o Balneário Termal ainda durante o mês de junho, manifestando a crença de que ‘o projeto das Termas de Vizela será um sucesso, que se traduzirá no sucesso de todo o Município e da população de Vizela”.

Tomas Ares salientou, ainda, o investimento de cerca de quatro milhões de euros que será efetuado em “tempos difíceis, mas com uma vontade forte e firme de agarrar este projeto”.

            A partir de agora, Vizela poderá ver renascer o seu pólo termal de excelência, que desde sempre atraiu milhares de cidadãos à Cidade e ao Concelho, acabando por se traduzir num centro dinamizador de todas as atividades económicas, nomeadamente o comércio, a restauração e a hotelaria.

De realçar que, desde que a Câmara Municipal de Vizela tomou conta deste dossier, o seu intuito foi apenas um: reabrir um legado histórico com mais de três séculos que é de todos, catapultando Vizela para aquilo que já foi no passado, dando, assim, resposta ao flagelo do desemprego, que ao longo da última década aumentou exponencialmente em virtude da crise do têxtil no Vale do Ave e, atualmente, da crise internacional.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *