Educação, Póvoa de Lanhoso

Centro Escolar D. Elvira Câmara Lopes na Póvoa de Lanhoso em fase adiantada de construção

A Vice-presidente e Vereadora da Educação da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Gabriela Fonseca, visitou ontem as obras do Centro Escolar D. Elvira Câmara Lopes, cuja construção está em fase adiantada. Este equipamento, que está a ser feito na freguesia de Campo, será inaugurado no próximo dia 25 de setembro (Dia do Concelho).

 

Este Centro Escolar terá capacidade para acolher perto de 300 crianças (100 alunos no Jardim de Infância, distribuídos por quatro Salas de Atividade, e 192 alunos na EB1, distribuídos por oito Salas de Aula) de Campo, Louredo, Vilela e Santo Emilião. “Este é o terceiro Centro Escolar que construímos, no âmbito da Carta Educativa, mas este também é fundamental para eliminar os regimes duplos que ainda temos em freguesias como Santo Emilião e Louredo”, referiu Gabriela Fonseca.

 

De acordo com a responsável pela Educação, inicialmente, ficou definida a construção de cinco Centros Escolares. “Ao fim de cinco anos está prevista a revisão da Carta Educativa e faz agora cinco anos, porque foi aprovada em 2007. É altura de ajustar à realidade, porque a população escolar tem vindo a diminuir, não só porque as pessoas têm menos filhos, mas também porque se assiste a uma forte emigração. Mesmo assim, creio que vai ser necessário construir pelo menos mais um”.

 

A oportunidade serviu ainda para fazer um balanço do trabalho que tem sido desenvolvido em termos de Educação. “Não trabalho sozinha, trabalho em parceria, com o Conselho Municipal da Educação, com as escolas e instituições do concelho e tudo é definido em conjunto, mas julgo que é visível o progresso, o salto que se deu em termos qualitativos, quanto a condições de ensino e de aprendizagem”.

 

Esta visita permitiu conhecer os principais espaços que vão constituir o Centro Escolar D. Elvira Câmara Lopes e que estão organizados por quatro grandes blocos: o da EB1, o da Área Administrativa, o do Jardim de Infância e o das Áreas Comuns. A arquiteta que elaborou o projeto, Andreia Vieira, foi explicando cada um dos espaços e funcionalidades. O edifício apresenta um mínimo possível de escadas, sendo possibilitado que seja percorrido só através de rampas pouco acentuadas.

 

O Centro Escolar D. Elvira Câmara Lopes terá valências como biblioteca, sala de informática, cozinha, refeitório ou recreio coberto e descoberto (diferenciado conforme o nível de ensino). Vai ainda dispor de um ginásio, que pelo facto de ter acesso direto pelo exterior, estará ao serviço da comunidade em geral, para a realização de atividades e eventos diversos. A Câmara Municipal também pretende dotar as salas de aula de quadros interativos, para além de outro material didático e mobiliário adequado.

 

O projeto do Centro Educativo D. Elvira Câmara Lopes é um projeto promovido pela Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e co-financiado em 80% pelo ON.2 – O Novo Norte e QREN através do Fundo Europeu do Desenvolvimento Regional (investimento total elegível de perto de dois milhões e meio de euros (2.485.905,50 €).

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *