Santo Tirso, Sociedade

Pelo ambiente, venha «criar, experimentar e participar» em Santo Tirso

No próximo fim de semana, dias 26 e 27 de maio o Parque Urbano da Rabada, em Santo Tirso acolhe a iniciativa «Criar, Experimentar e Partilhar», inserida na Semana da Energia e do Ambiente. Oficinas, teatro, música e canto prometem um fim de semana diferente. A iniciativa é promovida pela Câmara Municipal de Santo Tirso.

 

De participação livre, os interessados podem fazer objetos velhos e mudos crescer na paisagem como novos corpos sonoros. Assim, no sábado, dia 26, entre as 14h00 e as 17h00, vai decorrer a oficina de esculturas sonoras, no Carvalhal, que convida miúdos e graúdos a explorar inesperadas sonoridades. Nasce assim, no parque, uma nova paisagem plástica e sonora, construída aos pedaços por vários grupos da comunidade, a partir do reaproveitamento de velhas bicicletas e outros materiais de desperdício. A oficina, orientada por Henrique Fernandes, tem como participantes/criadores a Cooperativa de Apoio ao Deficiente (CAID), a Universidade Sénior Tirsense (UST), a Escola Secundária D. Afonso Henriques, a Escola Básica Integrada de São Martinho do Campo, a Oficina Escola Profissional do INA, a EB 2,3 de Vila das Aves, a EB1/Jardim de Infância da Ermida, o Centro Infantil de Santo Tirso e a Escola Profissional Agrícola Conde de S. Bento.

 

Pelas 21h30, o anfiteatro acolhe a estreia de um filme de animação. O filme resultou da Oficina de Cinema de Animação que juntou um grupo de utentes da CAID e de alunos da UST, orientados por Ícaro e Tânia Duarte, e em que os intervenientes imaginaram histórias em torno da energia e ambiente. Para registar esta experiência de formação e criação, realizou-se um Filme Documentário, que acompanhou todo o processo de maneira a partilhar com o público formas de saber e fazer e outras descobertas. A sonoplastia ficou a cargo de Quico Serrano e a realização de documentário de Eva Ângelo.

 

No domingo, dia 27, pelas 10h30, realizar-se-á uma parada de bicicletas no passeio das margens do Ave, de Santo Tirso a Burgães que irá animar a recém-inaugurada ciclovia. A partida está marcada para o parque de estacionamento junto à ponte. Teatro, Música e Canto darão corpo e voz, ao longo do percurso, a uma nova atitude e consciência ecológicas. Os intérpretes, Ângelo Cunha, António, Pacheco, Carina Silva, Cátia Marinho, Cláudia de Sousa, João Sousa, Miguel Garcia, Natali Silva, Paula Penúria e Tiago Porteiro acompanhados pelo coro ASAS prometem momentos diferentes. As interpretações contaram com a direção artística de Manuela Ferreira, a direção musical de Henrique Fernandes e a direção vocal de António Miguel.

 

Esta iniciativa é comparticipada pelo ON2 através do FEDER.

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *