Póvoa de Lanhoso, Sociedade

Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso promove atividades de cariz ambiental

A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, entidade parceira da EB1/JI da Póvoa de Lanhoso no Programa Eco-Escolas, tem vindo a dinamizar um ciclo de atividades constituído por várias Oficinas e Workshops de cariz ambiental.

 

Prevê-se que este ciclo de atividades, desenvolvido através do Centro de Interpretação do Carvalho de Calvos, chegue até aos cerca de 265 estudantes que frequentam aquele estabelecimento de ensino.

 

Assim, no próximo dia 23 de maio, quarta-feira, a experiência “Água vista ao Microscópio” será a proposta para quem frequenta o segundo ano. Esta experiência terá como principal objetivo mostrar a diferença dos microrganismos encontrados numa água tratada e numa outra não tratada, com a finalidade de chamar a atenção para a importância dos tratamentos de água para a saúde pública.

 

Contudo, a primeira atividade realizou-se no dia 27 de abril e foi dedicada ao tema da Reciclagem. A “Oficina dos Sabonetes Naturais”, dinamizada para 46 estudantes do terceiro ano, teve como principal objetivo a reciclagem de gorduras utilizadas em casa (óleos alimentares usados), que, em vez de serem deitadas banca fora, poderão ser usadas no fabrico de sabonetes naturais.

 

Já no dia 14 de maio, a temática trabalhada com o quarto ano foi a das Energias Renováveis (Energia Solar). Assim, foi dinamizado um Workshop de Fornos Solares, sendo que, com a colaboração das crianças, foram construídos dois fornos solares experimentados de seguida com o assar de maçãs.

 

Já no dia 16 de maio, foi trabalhada novamente a temática da Reciclagem com a Oficina “Vamos fazer velas recicladas”, mas desta vez com as turmas do Jardim de Infância, onde o objetivo era fazer velas a partir da reciclagem de óleos alimentares usados. Os mais jovens demonstraram grandes conhecimentos e sensibilidade para a temática em questão.

 

O Centro de Interpretação do Carvalho de Calvos, tendo como principal objetivo a educação/sensibilização ambiental, pretende encaminhar as pessoas para uma utilização mais responsável e eficiente dos recursos ambientais. Esta filosofia tem como propósito alcançar o tão desejável desenvolvimento sustentável, garantindo assim a capacidade de reposição e regeneração dos recursos naturais, assegurando a manutenção da biodiversidade, da qualidade do ar, da água e do solo, preservando a saúde pública e optando pela qualidade de vida.

 

Para marcação de visitas e/ou atividades:

Centro de Interpretação do Carvalho de Calvos

Telefone: 253 632 790

centro.ambiental@mun-planhoso.pt

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *