Guimarães, Sociedade

Sessão de esclarecimento sobre “Potencialidades e Oportunidades dos Mercados Árabes” em Guimarães

No dia 15 de Maio de 2012, das 11h00 às 13h00, o GIE- Gabinete de Informação ao Empresário em colaboração com a Câmara de Comércio e Indústria Árabe Portuguesa,  irá organizar uma sessão de esclarecimento sobre “Potencialidades e Oportunidades dos Mercados Árabes”.

Constituída em 11 de Janeiro de 1977, a Câmara de Comércio e Indústria Árabe-Portuguesa (CCIAP), Associação sem fins lucrativos / Entidade de Utilidade Pública, tem como objetivo essencial o desenvolvimento das relações económicas e culturais entre Portugal e os 22 Países Árabes, numa base de interesse mútuo contribuindo consideravelmente para o estreito das relações de cooperação entre Portugal e o mundo Árabe. A CCIAP é reconhecida oficialmente por organismos altamente responsáveis do Mundo Árabe: a Liga dos Estados Árabes, a União Geral das Câmaras de Comércio, Indústria e Agricultura dos Países Árabes e o Conselho Económico e Social Árabe, o que lhe confere genuinamente, a representação das 22 Federações das Câmaras de Comércio Árabes, abrangendo a totalidade de 174 Câmaras de Comércio, Indústria, Agricultura e Serviços em toda a zona geográfica árabe. Agraciada pelas condecorações de Medalha de mérito Económico (em 2000) por S.E. O Presidente da República Tunisina; Ordem de Mérito Nacional (Maio de 2005) por S.E. O Presidente da República Democrática e Popular da Argélia; Membro Honorário da Ordem de Mérito (Maio de 2005) por S.E. O Presidente da República Portuguesa.

A CCIAP realiza um leque diversificado de ações e serviços, visando essencialmente: promoção das trocas comerciais entre Portugal e os Países Árabes, neste contexto possuem um profundo conhecimento dos mercados Árabes e é sua vocação reforçar as relações económicas entre Portugal e aquele grupo de países onde detêm relações privilegiadas com as Entidades Oficiais e Institucionais do Mundo Árabe, mantendo um estreito contacto com a União Europeia; a sua real preocupação ao longo dos anos tem sido a aproximação, seja dos países do Conselho de Cooperação do Golfo, como dos países do Masherek e do Magreb (que constituem com as restantes Zonas geográficas Árabes a “Grande Zona de Comercio Livre- GZCL”); promoção da complementaridade industrial e do Partenariado sob múltiplas formas; promoção das múltiplas áreas de cooperação de caráter económico-financeiro, agrícola, piscatório, científico e cultural; organização de missões económicas nos mercados Árabes e em Portugal; edição de publicações em árabe e em português (Revista e Newsletters, ambas em formato digital, alojadas no site: www.cciap.pt).

Os Países Árabes assumem cada vez mais um relevo especial na esfera da internacionalização da economia portuguesa, não só por um conjunto de fatores de natureza geográfica e histórico-cultural, mas sobretudo através de reais oportunidades de negócios e de complementaridade, sendo que os mesmos constituem um mercado de mais de 400 milhões de potenciais consumidores, com poder aquisitivo que ultrapassa os

350 mil milhões de US $/ano e planos de desenvolvimento quinquenais (em apenas um terço desses países) que atingem 1 trilião de Euros.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *