Cultura, Marinha Grande, Sociedade

Censura e atrasos de Portugal em debate na Marinha Grande

No próximo dia 25 de abril (quarta-feira), pelas 16h00, o Auditório da Biblioteca Municipal da Marinha Grande receberá a palestra “A Censura e os Atrasos de Portugal” e o lançamento do livro “Segredos do Império da Ilusitânia – A Censura na Metrópole e em Angola”, da autoria do sociólogo José Filipe Pinto. A entrada é livre.

 

Trata-se de uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal da Marinha Grande e pelo Jornal da Marinha Grande, integrada nas comemorações do 38º aniversário do 25 de Abril de 1974.

 

O autor abordará a censura e as suas implicações durante a ditadura. Num momento em que se assinala mais um aniversário da revolução, a palestra pretende evocar o período que antecedeu a revolução, as suas implicações e lançar reflexões sobre o futuro de Portugal.

 

Biografia de José Filipe Pinto

 

José Filipe Pinto nasceu em Lavre, Montemor-o-Novo, em 3 de novembro de 1954.

 

Académico Correspondente da Academia Internacional da Cultura Portuguesa, é Professor Associado na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, instituição onde, para além da docência, assume as funções de Coordenador da Linha em Relações Internacionais do Centro de Investigação em Ciência Política, Relações Internacionais e Sociedade e orienta várias teses e dissertações.

 

Doutor em Sociologia Política e das Relações Internacionais pela Universidade da Beira Interior aguarda a marcação das Provas de Agregação em Ciência Política.

 

Autor de 6 capítulos de livros e cerca de duas dezenas de artigos em revistas científicas, já publicou os seguintes livros:

 

•          “Segredos do Império da Ilusitânia: a Censura na Metrópole e em Angola”

•          “O Ultramar secreto e confidencial”

•          “Estratégias da ou para a Lusofonia? O futuro da Língua Portuguesa”

•          “Adriano Moreira: uma intervenção humanista.”

•          “Do Império Colonial à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa: continuidades e descontinuidades”

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *