Almada, Cultura

Lugar comum abre Ciclo Sala Experimental em Almada

Lugar comum, a primeira criação de quatro jovens actores nacionais – Eduardo Breda, Joana Francampos, José Redondo e Sofia Vitória – é espectáculo que inaugura o Ciclo Sala Experimental, no dia 19 de Abril, às 21h30. O Ciclo Sala Experimental decorre na sala com o mesmo nome e terá espectáculos de dança, teatro e performance, apresentados entre 19 de Abril e 13 de Maio. Jean Paul Bucchieri, consultor para a programação do Teatro Municipal de Almada, é o responsável pela selecção dos espectáculos apresentados, sendo esta uma oportunidade única para os jovens criadores nacionais mostrarem o seu trabalho em estreia absoluta no TMA.

 

Eduardo Breda, Joana Francampos, José Redondo e Sofia Vitória são os criadores e intérpretes deste espectáculo, sendo a primeira vez que os quatro jovens actores – que se estrearam profissionalmente no TMA em 2011 na peça Santa Joana dos matadouros –criam uma peça de teatro.

 

“Havia uma vontade de nos juntarmos e houve um convite. Uma coisa é certa: somos quatro, e o Augusto perdeu o nariz. O nariz ficou esquecido, tropeçou nas escadas, entrou em caravanas e espreitou as memórias pela janela. O nariz passou a ter ouvidos e boca de um circo que já não acontece. Na areia do chão da arena encontrámos ao lado do nariz do Augusto, textos que vivem neste lugar. O lugar comum”, lê-se na sinopse do espectáculo.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *