Évora, Sociedade

Hortas Urbanas chegam a Évora

As primeiras hortas urbanas de Évora, constituídas no âmbito da implementação da Agenda 21 Local no concelho, serão entregues no próximo sábado, dia 14 de Abril, no Monte de Santo António, às Portas de Avis. Trata-se de um terreno agrícola municipal com 6300 m2 onde serão constituídos 89 talhões de 45 m2 cada. Estas hortas serão destinadas aos moradores das freguesias do Centro Histórico (S. Mamede, Sé/S. Pedro e Santo Antão) e Bacelo.

 

Entretanto, a Câmara já iniciou os trabalhos de infraestruturação deste terreno que incluem: vedação, depósito de água, rede de distribuição de água com colocação de torneiras de utilização coletiva, construção de caminhos e marcação dos talhões. A conclusão desta pequena intervenção, que deverá demorar cerca de 15 dias, possibilitará que as pessoas possam iniciar o cultivo da terra ainda durante o mês de Abril.

 

No passado dia 31 de março teve lugar no Monte de Santo António uma visita ao terreno que contou com a presença de técnicos da CME, membros de juntas de freguesia e boa parte dos futuros horticultores.

 

As Hortas Urbanas constituem um projeto da Agenda 21 Local, que visa aproveitar os terrenos disponíveis para a criação de hortas comunitárias de qualidade e bem organizadas, que funcionem como espaços de produção mas também de socialização e convívio. É também uma forma de fomentar novas atitudes, comportamentos e estilos de vida mais saudáveis e ambientalmente mais sustentáveis,  promovendo a melhoria da qualidade de vida

 

Por outro lado, as Hortas Urbanas de Évora terão igualmente uma forte componente pedagógica junto dos “proprietários” com filhos ou netos, podendo os mais novos contatar com uma realidade rural desconhecida, funcionando como um complemento à formação escolar nesta área.

 

Em termos globais, o projeto das Hortas Urbanas de Évora reuniu cerca de 230 inscrições, estando a Câmara Municipal de Évora, em parceria com as juntas de freguesia, a trabalhar noutros projetos para que brevemente sejam criadas novas hortas, noutros terrenos da cidade.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *