Cultura, Évora, Tecnologia

Exposição Itinerâncias: Artes Visuais, Design e Género em Évora

A Câmara Municipal de Évora inaugura no Palácio de D. Manuel, no dia 15 de março, pelas 19 horas, a exposição “Itinerâncias: Artes Visuais, Design e Género”, organizada pelo Departamento de Artes Visuais e Design (DAVD) da Universidade de Évora, em parceria com a União de Mulheres Alternativa e Resposta (UMAR).

Em Julho de 2011 alguns docentes do DAVD organizaram uma Pós-Graduação em Artes Visuais e Género, que suscitou o interesse da UMAR, que está a desenvolver um projeto incidindo na Região do Alentejo, intitulado Biblioteca Itinerante pela Igualdade de Género. Este projeto, com a duração de 18 meses, envolve14 concelhos da região, entre os quais Évora, e neste período serão promovidas Semanas pela Igualdade de Género, em estreita coordenação com parceiros locais. Neste sentido, a DAVD e a UMAR decidiram unir sinergias e desenvolver uma iniciativa conjunta, que resultou nesta exposição “Itinerâncias: Artes Visuais, Design e Género”.

O termo Género teve origem no Feminismo, movimento que surgiu no final da década de 70 do século XX, e se afirmou como uma construção social e cultural de atributos definidores do homem e da mulher, o que determina as relações entre os sexos em diversas dimensões. As artes visuais, ao exporem estereótipos culturais sobre Género, ao politizarem a ligação entre o público e o privado, ao explorarem a natureza da diferença sexual, examinam muitas vezes a especificidade de corpos marcados pelo Género, raça, idade e classe. Tendo em conta que o ensino universitário deve estar atento aos interesses que a sociedade manifesta, proporcionando-lhe momentos de formação, reflexão e criação, esta exposição procura apresentar projetos artísticos coerentes em contextos alargados e multidisciplinares, que visam contribuir, através da criação artística e da sua exposição, para a eliminação das desigualdades de Género e outras.

Além do estímulo estético inerente a qualquer mostra, estas exposições procurarão que os visitantes reflitam sobre conceitos e construções sociais como: identidade, direitos humanos, paridade, igualdades e desigualdades de Género. Os trabalhos em exposição são de alunos e ex-alunos da Universidade de Évora, foram submetidos à apreciação de um júri, e incluem fotografia, vídeo, pintura, desenho, escultura, performance, objetos de design, entre outros.

Esta exposição estará aberta ao público até ao dia 5 de abril, podendo ser visitada de segunda a sexta-feira, das 10:00 às 12:00 e das 13:00 às 17:00, e sábados só no período da tarde, encerrando ao domingo.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *