Borba, Sociedade

Mais de 40 figuras no presépio do Centro Histórico de Borba

O Presépio conta este ano com mais de 40 figuras em tamanho real em 24 representações, do nascimento do Menino Jesus, profissões tradicionais a actividades do dia-a-dia. Um presépio que pode ser apreciado nas artérias do centro histórico da cidade de Borba, tornando-se num atractivo e um convite a visitar o concelho, fomentando o comércio local. As peças são da autoria do artista Carlos Bacalhau e desenvolvidas na autarquia, recorrendo a materiais recicláveis.

Junto à  muralha do Castelo encontra-se o conjunto principal, com a recriação do nascimento do Menino Jesus numa manjedoura, local onde Maria e José  pernoitaram, acompanhados por uma vaca e um jumento. Provenientes do Oriente, guiados por uma estrela, os três reis magos entregam o ouro, incenso e mirra ao recém-nascido. A recriação do presépio inclui diversas representações de profissões tradicionais do concelho, como o carpinteiro, a padeira, pastor, ferreiro, sapateiro e guardador de porcos, e inúmeras figuras características do povo, com recriação de actividades do dia-a-dia, como o pescador, o escultor que trabalha o mármore na recriação da Fonte das Bicas, guardas do Castelo, guarda a Cavalo, pisador de uvas, tocador, tocador de lira e um velhote acompanhado pelo seu burro. A importância da mulher na sociedade e na família é reconhecida em várias representações, com representações da lavagem de roupa no rio, transporte de galinha e cesto com ovos, a tirar água do poço e no transporte de bilha de água, acompanhada por uma criança. A completar o quadro de imagens, um anjo deseja Feliz Natal a quem visita o presépio e uma rena com o seu trenó simboliza o Natal e a distribuição de prendas.

As peças são trabalhadas ao longo do ano, com inserção de novas imagens anualmente, e podem agora ser apreciadas até ao Dia de Reis, a 06 de Janeiro.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *