Cultura, Santa Comba Dão

A Cave da Casa da Cultura de Santa Comba Dão foi palco da III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho

     A Cave da Casa da Cultura de Santa Comba Dão foi o palco escolhido para a realização da III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho uma iniciativa integrada na sexta edição do Festival de Tunas Académicas –  Cidade de Santa Comba Dão e que se relevou de sucesso.

     A III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho, alusiva ao São Martinho, decorreu ao longo do dia de sábado, 05 de Novembro, e foi constituída por mostra e prova de produtos variados como o vinho caseiro, a tradicional jeropiga, o mel e seus derivados, os doces, o pão caseiro, empadas, queijadas variadas, broas de natal, tremoços, bolo de cornos e licores variados como o licor de medronho, de mel, de frutos silvestres ou o hidromel.

     Com uma nova configuração, esta iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Santa Comba Dão teve como principal objectivo a promoção dos produtos típicos do concelho e da região e a dinamização turística do concelho de forma a atrair novos públicos e visitantes.

     Esta III Mostra do Mel, da Castanha e do Vinho contou, ainda, com uma mostra do artesanato que se faz em Santa Comba Dão como, por exemplo, rendas, artes decorativas, arte têxtil, pinturas diversas, arraiolos, arranjos florais e pintura em azulejo.

     O evento contou com a participação de diversas associações e particulares: Donanna – Doces e Licores Tradicionais de Côja, Apimel – Produtos Apícolas da Lousã, AACAP – Associação de Apicultores e Criadores de Abelhas de Portugal, Daniel Ferreira Salazar – Apicultor de Santa Comba Dão, Carla Batista, Nutridão – Produtos Naturais, Alimentação Biológica e Cosmética Natural, as pastelarias O Pão Quente II – Artembolos, Lda., A Joaninha – Pastelarias e Padarias, Lda. e Pastelaria Salinas III, Maria Manuela Ferreira Neves Pereira, Pereira de Melo – Produtor de Vinho, produtores locais de vinho, MDA Distribuição Lda, Agrupamento de Escuteiros de Santa Comba Dão, Frescos & Cª Ergovisão – Grupo Óptico que se associou a esta mostra dinamizando um rastreio óptico gratuito a todos os visitantes e participantes e diversos artesãos do concelho.

     Às 15 horas, a cave da Casa da Cultura foi palco de um convívio animado pelas tunas convidadas tunas académicas convidadas para integrar o VI Festival de Tunas Académicas da Cidade.

     Pelas 17:15 horas realizou-se o Concurso de Serenatas que fez as delícias de todos quantos se deslocaram a este espaço.

     Fica o agradecimento por parte da organização a todas as tunas que participaram neste evento e a todos aqueles que contribuíram para o sucesso desta iniciativa.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *