Montijo, Sociedade

Montijo – Cidade de conhecimento na promoção de saberes

A Câmara Municipal do Montijo (CMM) e a Universidade de Lisboa (UL) vão proceder, no dia 30 de setembro, às 17h30, na Galeria Municipal à assinatura do novo protocolo do Centro de Saberes.

  O protocolo entre a CMM e a UL estabelece as formas de cooperação que permitem convergir interesses mútuos na promoção da educação, da arte, da ciência e da cultura no concelho do Montijo.

  Entre as atividades previstas estão a elaboração de candidaturas conjuntas a Programas Europeus; a realização de cursos e unidades de formação suscetíveis de certificação e creditação pela UL; a promoção de ações de formação contínua para os cidadãos em geral e de ações de divulgação das atividades de Formação ao Longo da Vida, desenvolvidas no contexto da UL.

  Este novo convénio vem, assim, ao encontro do Projecto Cultural Concelhio da Câmara do Montijo que pretende contribuir para a formação global dos cidadãos, com vista ao seu pleno desenvolvimento.

  Recordamos, que o Centro de Saberes do Montijo foi criado em 16 de dezembro de 2004, através de um Convénio de Cooperação. Ao longo dos anos, foram desenvolvidas inúmeras ações de formação, conferências e outras atividades, dirigidas à população em geral, no domínio da cultura e da educação.

  Após a assinatura do protocolo, terá lugar a conferência inaugural “As políticas e o território” pela professora doutora Teresa Alves, geógrafa e professora associada da Universidade de Lisboa.

  Teresa Alves é responsável por investigação no Centro de Estudos Geográficos em domínios da Geografia Económica e Social, particularmente sobre o desenvolvimento regional nas áreas rurais e nas áreas de influência das cidades médias em Portugal.

  Nos últimos 3 anos coordenou um projeto de investigação, financiado pela UE, sobre as oportunidades de desenvolvimento decorrentes das mudanças nos usos do tempo devido à incorporação nas esferas da produção e do consumo de um período visto frequentemente como improdutivo: a noite.

Atualmente, participa num projeto de investigação sobre as mudanças dos usos dos territórios das áreas litorais, em cooperação internacional com equipas da Índia, Vietnam, Israel, Itália, Bélgica, Reino Unido e Suécia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *